28 de Outubro, 2011 - 16:00 ( Brasília )

Geopolítica

Homem armado ataca embaixada dos EUA em Sarajevo e fere 2


Um homem desconhecido disparou nesta sexta-feira com um fuzil Kalashnikov contra a embaixada dos Estados Unidos em Sarajevo. Inicialmente, a imprensa local informou que ele havia sido morto com um tiro na cabeça após enfrentar os policiais. No entanto, a rede de televisão FTV afirmou que ele foi ferido e levado a um hospital da cidade.

O incidente terminou com vários feridos, entre eles aparentemente dois policiais, mas nenhuma informação foi confirmada oficialmente. Segundo a FTV, outras duas pessoas, ambas provenientes da capital bósnia, foram detidas por terem relação com o ataque.

A televisão federal bósnia identificou o autor dos disparos como Mevlid Jasarevic, 23 anos, conhecido pelo apelido "Abdurahman", natural de Jovi Pazar, no sul da Sérvia. Outras informações não confirmadas apontam que o atirador era membro de um movimento islâmico extremista.

A agência bósnia Fena afirmou que fontes da embaixada americana confirmaram que "alguém disparou" contra o edifício. Várias testemunhas disseram à agência EFE que os disparos pareciam vir da estação de bondes em Marin Dvor e eram obra de homem com barba espessa de cerca de 40 anos que portava uma sacola.

Pouco depois dos primeiros disparos de fuzil automático, os policiais chegaram ao local, entre eles agentes especiais. Os cidadãos que se encontravam perto da confusão se esconderam em um hotel.

O bairro Marin Dvor foi bloqueado e, após os disparos, o clima no local era de pânico. Alguns rumores indicam que outro atirador estaria ainda à solta pela cidade.