10 de Outubro, 2011 - 09:00 ( Brasília )

Geopolítica

Venezuela terá armas financiadas pela Rússia


Daniel Cancel

A Rússia anunciou um empréstimo à Venezuela de US$ 4 bilhões para gastos com defesa após ter obtido acesso à exploração de campos de gás e petróleo na costa do país sul-americano.

As russas OAO Rosneft e OAS Gazprom assinaram um acordo de cooperação com a estatal venezuelana PDVSA na quinta-feira, em cerimônia em Caracas encabeçada pelo presidente Hugo Chávez e o vice-primeiro-ministro russo, Igor Sechin. "Nós estamos trabalhando em projetos de grande dimensão de óleo, gás e petroquímicos a finanças, bancos e comércio", disse Chávez à TV estatal.

O presidente venezuelano tem estreitado laços com a Rússia durante seus 12 anos de governo, em um esforço para reequipar suas forças armadas após o embargo de armas imposto pelos EUA em 2006, além de atrair investimentos para o setor energético.

O empréstimo de US$ 4 bilhões será desenbolsado em duas parcelas em 2012 e 2013. Nos últimos cinco anos, Chávez já comprou mais de US$ 4,4 bilhões em caças, sistemas de defesa aérea, helicópteros e armas da Rússia.