07 de Setembro, 2011 - 09:34 ( Brasília )

Geopolítica

A capital festeja o Brasil

Com tempo aberto e sol a pino, as comemorações do feriado da Independência devem atrair 35 mil pessoas à Esplanada dos Ministérios, palco do desfile cívico prestigiado por populares e autoridades. Além do esquema de segurança, haverá vários pontos com águ

Mariana Laboissière

O verde e amarelo tomou conta do coração de Brasília e a Esplanada dos Ministérios está pronta para celebrar o Dia da Independência, quando ocorre o tradicional desfile cívico no Planalto Central. Neste feriado de 7 de Setembro, são esperadas 35 mil pessoas para acompanhar as festividades, que se realizam das 9h às 10h30 de hoje, com a presença da primeira presidente mulher da história do Brasil, Dilma Rousseff. Além dela, participam da cerimônia ministros, parlamentares, representantes do Legislativo e do Judiciário. Neste ano, foram investidos quase R$ 900 mil em infraestrutura para o público, cerca de R$ 100 mil a mais do que no ano passado.

Além de mil homens do Exército e representantes de outras 19 entidades, 1,2 mil estudantes de escolas públicas do Distrito Federal caminharão ao longo da Esplanada. Eles farão um percurso de 2 quilômetros, partindo do Palácio do Planalto em direção à Rodoviária do Plano Piloto. O Exército também estará representado por 70 carros operacionais e 250 cavaleiros. A Polícia Militar, por sua vez, marchará com 525 policiais, 29 carros da corporação, 122 cavalos e três helicópteros. As apresentações serão encerradas com a exibição da Esquadrilha da Fumaça nos céus da capital.

No período vespertino, a Praça da Independência do GDF funcionará como palco de apresentações culturais, turismo cívico, feira de economia solidária e praça de alimentação. As arquibancadas cobertas devem abrigar 20 mil pessoas. Três telões, 300 banheiros químicos, 35 postos de distribuição de água e 15 postos de atendimento da Secretaria de Saúde do DF estarão disponíveis. Também haverá dois postos de atendimento a crianças perdidas.

Temperatura alta
Ao longo das comemorações deste ano, o sol vai brilhar entre as nuvens em Brasília, com dia quente e seco, segundo previsões do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). A cidade, que não tem chuvas há quase 90 dias, mantém a previsão de estiagem. As temperaturas variam entre 13°C e 30°C durante o dia e os índices de umidade ficam entre 50% e 20%. Em virtude desse quadro, a Defesa Civil recomenda ao público ingestão de água, uso de roupas leves e de protetor solar. Além disso, a entidade sugere aos adultos que identifiquem as crianças com uma pulseira e as orientem a procurar ajuda somente de bombeiros ou policiais. Outro alerta aos espectadores do evento é evitar subir em árvores ou nas estruturas das arquibancadas.

As festividades também causam interferências no trânsito: o Eixo Monumental estará interditado. A partir das 5h50, a Esplanada dos Ministérios e a Praça dos Três Poderes também ficam fechadas para o tráfego de carros na via N1. Os motoristas não poderão usar os estacionamentos dos ministérios, mas espaços nos anexos e nos setores Bancário Sul e Norte, além do Setor de Autarquias. O Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPTran) ressalta ser proibido estacionar ao longo da via N2. Os veículos que desrespeitarem essa orientação serão notificados. Para atender a demanda de passageiros no dia do desfile, o DFtrans e o Metrô reforçarão a frota, disponibilizando, respectivamente, ônibus das 6h às 14h e os trens, das 7h às 19h.

No mesmo horário do desfile oficial, às 9h, um grupo apartidário promete protestar contra a corrupção no país. Os organizadores da Marcha Brasil contra a Corrupção pretendem reunir mais de 30 mil pessoas. O ponto de encontro será o gramado em frente ao Museu da República. A partir das 10h, os manifestantes caminham rumo ao Congresso Nacional. Durante o percurso, vão pedir o fim da corrupção, mais transparência na política e o término do voto secreto.

Novidades
Durante as festividades, a Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) instala na Esplanada dos Ministérios caixas d"água e copos descartáveis. Ao todo, serão oito pontos fixos com água à vontade e quatro unidades móveis com cinco mil litros de água cada uma, sendo duas para atender a dispersão do desfile. Além disso, a empresa montou lavatórios nos postos de atendimento de saúde. O funcionamento será durante todo o dia, até o término do evento. Os participantes da celebração do Dia da Independência também receberão sacos para lixo sustentável, feitos à base de cana-de-açúcar. Eles serão distribuídos Central de Cooperativas de Materiais Recicláveis de Brasília, em parceria com a empresa Embalixo.