14 de Julho, 2011 - 11:24 ( Brasília )

Geopolítica

EUA não têm provas que Argentina envia tecnologia para Irã


O governo dos Estados Unidos afirmou nesta quarta-feira que não tem provas de que a Venezuela seja "interlocutora" entre Irã e Argentina em assuntos nucleares, e de que a Argentina envia tecnologia nuclear ao Teerã.

"Não temos como provar que a Venezuela atua como interlocutora entre Irã e Argentina em assuntos nucleares, e que a Argentina envia tecnologia nuclear ao Irã", informou o Departamento de Estado em nota oficial.

Além disso, "a Argentina manteve durante muito tempo uma postura construtiva na Agência Internacional de Energia Atômica com relação ao programa nuclear do Irã", acrescentou a nota.

Os EUA esperam que "todos os países cumpram com suas obrigações e responsabilidades internacionais, incluindo o dever de aplicar plenamente todas as resoluções e sanções do Conselho de Segurança da ONU contra o Irã", indicou.

O Departamento de Estado reagiu assim a uma carta enviada na segunda-feira pelos legisladores republicanos da Flórida, Ileana Ros-Lehtinen, Connie Mack e David Rivera, na qual manifestaram preocupação com os supostos esforços do Irã de conseguir a cooperação da Argentina em assuntos nucleares usando à Venezuela como ponte.

O Departamento de Estado disse estar ciente do interesse do Irã no continente americano e assinalou que continua "observando essas relações de perto".

Contudo, tal como disse em dezembro de 2009 a secretária de Estado, Hillary Clinton, espera-se "que haja um reconhecimento de que (Irã) é agora o principal partidário, promotor e exportador do terrorismo no mundo", lembrou na nota.