30 de Junho, 2011 - 09:22 ( Brasília )

Geopolítica

Decepção na ONU porque a China não prendeu Omar al Bashir


A Alta Comissária da ONU para os Direitos Humanos, Navi Pillay, declarou-se nesta quinta-feira decepcionada porque a China não prendeu, durante uma visita ao país, o presidente sudanês Omar al-Bashir, que é alvo de uma ordem de prisão do Tribunal Penal Internacional (TPI).

"Todos os governos têm a responsabilidade, incluindo a China, de ajudar o Tribunal a colocar as pessoas à disposição da justiça", explicou Navi Pillay em coletiva de imprensa, declarando-se "decepcionada quando há países que não respeitam esta responsabilidade".