01 de Julho, 2014 - 15:55 ( Brasília )

Geopolítica

Isis convoca muçulmanos para ajudar na construção de Estado Islâmico


Dois dias após o anúncio da criação de um califado, o líder do grupo militante jihadista Isis convocou muçulmanos para viajarem ao Iraque e à Síria e ajudar na construção de um Estado islâmico. Em uma mensagem de áudio, Abu Bakr al-Baghdadi afirmou que imigrar para o "Estado Islâmico" era um dever. Ele fez um "chamado especial" para magistrados, médicos, engenheiros e pessoas com experiência militar e administrativa.

No domingo, o grupo afirmou que estava instaurando um califado nos territórios ocupados no Iraque e na Síria.

Líder de grupo sunita iraquiano promete vingar "erros" contra os muçulmanos*

O líder do Estado Islâmico do Iraque e do Levante (ISIS), Abu Bakr al-Baghdadi, jurou vingança contra o que qualificou como erros cometidos contra os muçulmanos e pediu aos combatentes islâmicos que os vinguem.

Baghdadi falou pela primeira vez desde que seu grupo mudou de nome --passando a denominar-se Estado Islâmico - e o alçou ao posto de califa do mundo muçulmano.

Ele também fez um chamado aos muçulmanos para que emigrem para o "Estado islâmico", dizendo que isso é uma obrigação.

*Por Yara Bayoumy - Reuters