04 de Março, 2014 - 21:20 ( Brasília )

Geopolítica

Canadá suspende relações bilaterais militares com a Rússia

O primeiro-ministro canadense anunciou nesta terça-feira que enviou ordens para que atividades planejadas entre dois países sejam suspensas

O primeiro-ministro canadense, Stephen Harper, anunciou nesta terça-feira a suspensão de todas as atividades de cooperação entre as forças armadas canadenses e o exército russo.

"Nesta manhã, dei a ordem para que todas as atividades bilaterais planejadas entre as forças canadenses e as russas sejam suspensas", disse Harper na câmara baixa do Parlamento em resposta a uma pergunta da oposição sobre o lançamento por parte da Rússia de um míssil intercontinental balístico.

"Consideramos todas as atividades militares da Federação Russa e do presidente Putin com a maior preocupação. A operação Vigilant Eagle e todas as demais atividades planejadas foram suspensas", acrescentou Harper.

Na próxima operação Vigilant Eagle, organizada há 14 anos no Norad (o sistema de defesa área da América do Norte), estava prevista a participação de forças russas junto com as de Estados Unidos e Canadá.

Em novembro, o diretor de Exercícios do Norad, o major americano Joe Bonnet, comentou, ao anunciar a participação da Rússia, que o trabalho com a Força Aérea da Federação Russa e seus profissionais criava "vínculos duráveis e associações muito valiosas para nossa segurança".

Harper também disse hoje que as autoridades canadenses estão revisando todas suas relações bilaterais com as autoridades russas.