25 de Maio, 2011 - 10:02 ( Brasília )

Geopolítica

Paquistão devolve aos EUA helicóptero de ataque a Bin Laden


O Paquistão devolveu aos Estados Unidos o helicóptero destruído durante o ataque que matou Osama Bin Laden, disse uma autoridade do Pentágono à Reuters nesta terça-feira, mas o gesto deve valer pouco para restaurar as relações tensas entre os países.

A equipe da Marinha dos EUA que atacou o esconderijo de Bin Laden em Abbottabad, no Paquistão, no dia 1º de maio explodiu o helicóptero que ficou danificado por conta de uma aterrissagem forçada. Eles queriam impedir que a tecnologia caísse nas mãos de inimigos.

Mas partes do helicóptero, incluindo a cauda, ficaram para trás e os EUA exigiram que o Paquistão as devolvesse. "Os destroços foram devolvidos neste final de semana e estão de volta aos Estados Unidos", disse o coronel Dave Lapan, porta-voz do Pentágono.

O ataque que matou Bin Laden prejudicou muito as relações entre EUA e Paquistão. Dúvidas seguem em Washington sobre como Bin Laden conseguiu viver sem ser notado por anos na cidade de Abbottabad, que está apenas 50 quilômetros da capital do Paquistão, Islamabad. Algumas autoridades dos EUA especulam que ele deve ter recebido apoio.

Do outro lado, o Paquistão classificou o ataque como uma violação da sua soberania, já que Islamabad só foi informada sobre a operação dos EUA depois que ela terminou. O Parlamento paquistanês ameaçou cortar as linhas de abastecimento para as forças dos EUA no Afeganistão se houver outra incursão militar.