22 de Março, 2013 - 17:47 ( Brasília )

Geopolítica

EUA veem ação mais forte da China sobre Coreia do Norte


Os Estados Unidos estão otimistas de que a China vai tomar medidas enérgicas contra a Coreia do Norte e fizeram um apelo a Pequim para aumentar a fiscalização das instituições financeiras com relações com Pyongyang, disse na sexta-feira o subsecretário do Tesouro dos EUA para Terrorismo e Inteligência Financeira, David Cohen.

Segundo Cohen, os Estados Unidos acreditam que a China está olhando para a ameaça da Coreia do Norte de uma maneira nova e diferente.

Dan Fried, novo coordenador do Departamento de Estado norte-americano de política de sanções, também disse que Washington espera, finalmente, chegar a uma solução diplomática com a Coreia do Norte.
 

Presidente chinês visita a Rússia para promover relação comercial*

O presidente chinês, Xi Jinping, desembarcou nesta sexta-feira na Rússia, em sua primeira viagem ao exterior desde que tomou posse, para promover as relações econômicas entre os dois países.

"O fato da Rússia, país amigo, ter sido escolhida como primeiro destino de minha visita de Estado demonstra o caráter particular de nossas relações estratégicas", declarou Xi à imprensa oficial russa.

"Atualmente, as relações entre Rússia e China estão em pleno apogeu, passam pelo melhor período de sua história secular", declarou o presidente russo, Vladimir Putin.

Nas últimas duas décadas, a economia dominou a relação bilateral. Moscou vendeu a Pequim tecnologia militar e espacial, além de petróleo, enquanto importava em grande quantidade produtos de consumo chineses.

Durante a visita, os dois presidentes assinarão um acordo sobre o aumento de fornecimento de petróleo a China.

*AFP