19 de Março, 2013 - 11:18 ( Brasília )

Geopolítica

Pyongyang diz que 'chantagem nuclear' impulsionará corrida armamentista


A Coreia do Norte advertiu nesta segunda-feira, na sede da ONU, que a "chantagem nuclear" dos Estados Unidos levará mais países a seguir seus passos e procurar sua própria arma nuclear.

Pyongyang proclamou sua "posição poderosa e grande orgulho" por ser o último Estado a ter armas nucleares, no primeiro dia de negociações para um tratado de armas convencionais na ONU. Suportando um endurecimento das sanções da ONU depois do teste nuclear realizado no mês passado, a Coreia do Norte também aproveitou a ocasião para criticar a política dos Estados Unidos.

A Coreia do Norte advertiu nesta segunda-feira, na sede da ONU, que a "chantagem nuclear" dos Estados Unidos levará mais países a seguir seus passos e procurar sua própria arma nuclear.

Pyongyang proclamou sua "posição poderosa e grande orgulho" por ser o último Estado a ter armas nucleares, no primeiro dia de negociações para um tratado de armas convencionais na ONU. Suportando um endurecimento das sanções da ONU depois do teste nuclear realizado no mês passado, a Coreia do Norte também aproveitou a ocasião para criticar a política dos Estados Unidos.