COBERTURA ESPECIAL - F-X2 - Tecnologia

02 de Janeiro, 2013 - 14:30 ( Brasília )

SAAB - CISB - Abrem chamada para inscrição de projetos no programa Ciência sem Fronteiras

Plataforma colaborativa será utilizada para incentivar a troca de informações em um ambiente propício à inovação

São Paulo, 02 de janeiro de 2013 – Como parte de suas atividades para fomentar a inovação tecnológica entre o Brasil e a Suécia, o Centro de Pesquisa e Inovação Sueco-Brasileiro (CISB), em parceria com a empresa sueca de defesa e segurança SAAB AB, abre nova chamada para concessão de bolsas de estudo na Suécia no âmbito do programa Ciência sem Fronteiras, do Governo Federal. Por meio do CNPq, a SAAB e o CISB oferecem mais 20 bolsas de estudo em doutorado sanduíche e pós-doutorado - acesse www.cnpq.br/web/guest/chamadas-publicas.

Nesta chamada, duas novas áreas de interesse estão disponíveis para os pesquisadores – Energia & Meio Ambiente e Cidades Atrativas & Sustentáveis, além das já existentes - Aeroespacial e Defesa & Segurança. Para auxiliar os pesquisadores que desejarem apresentar propostas relevantes para o programa, o Cisb e a SAAB disponibilizam sua plataforma colaborativa http://swbcisb.induct.no, na qual será possível encontrar todas as áreas de pesquisa de interesse da Saab e das suas universidades parceiras.

A plataforma funciona como uma rede que facilita o encontro entre pesquisadores brasileiros e os professores orientadores das universidades estrangeiras, incentivando a colaboração e visando o enriquecimento das propostas de projetos. A SAAB AB, uma das principais incentivadoras do CISB, atuará fortemente junto aos pesquisadores para apoiá-los a elaborar propostas que sejam importantes para o desenvolvimento das suas áreas de interesse no Brasil. A SAAB irá co-financiar, juntamente com o CNPq, 100 bolsas de estudos na Suécia e, nessa segunda chamada para os projetos, serão aprovadas 15 bolsas para pós-doutorado e cinco para doutorado sanduíche. A plataforma aceitará inscrições de propostas até 28 de fevereiro de 2013.

“Estamos muito impressionados com a qualificação dos pesquisadores brasileiros que participaram da primeira chamada e estamos igualmente otimistas para que haja o mesmo interesse e a definição das três linhas de projetos de pesquisa (universidade sueca – SAAB – universidade brasileira) nessa segunda chamada. Estamos convencidos de que esse programa vai promover a internacionalização das universidades suecas e dos centros de pesquisa, além de desenvolver um relacionamento a longo prazo entre a Suécia e o Brasil para alavancar o conhecimento na indústria e na academia em ambos os países”, diz Magnus Ahlström, Diretor de Cooperação em Inovação da SAAB AB.

Para Alessandra Holmo, diretora-presidente do CISB, o sucesso da primeira chamada, realizada em março, demonstrou que há bastante espaço para pesquisa e desenvolvimento no Brasil em parceria com a Suécia, que está interessada em investir cada vez mais em inovação aberta no País. “Com a primeira chamada, recebemos mais de 30 propostas validadas por meio da interação na plataforma. Assim, a expectativa é de alcançar ainda mais pesquisadores interessados em inovação aberta agora nas áreas de Energia & Meio Ambiente e de Cidades Atrativas & Sustentáveis”, afirma a executiva.

Mais detalhes do programa

O grande diferencial dessas bolsas de estudo diz respeito ao ambiente que os pesquisadores irão encontrar na Suécia, que é de inovação aberta e não apenas acadêmico. Além da SAAB e das universidades já contempladas na primeira chamada, que são a Chalmers Institute of Technology, KTH Royal Institute of Technology, Linköping University, a Universidade de Pretoria, na África do Sul, e o George Mason Institute, nos EUA, também participam dessa segunda chamada as universidades Luleå University of Technology e Blekinge Institute of Technology.  

Além disso, a SAAB irá complementar a bolsa oferecida pelo CNPq, dobrando o valor mensal da bolsa dos selecionados em relação ao valor convencional, o que torna essa oportunidade ainda mais atrativa para os pesquisadores brasileiros.

Para saber mais sobre o programa Ciência sem Fronteiras, do Governo Federal, acesse: http://www.cienciasemfronteiras.gov.br

Sobre o CISB

Sediado em São Bernardo do Campo, o Centro de Pesquisa e Inovação Sueco-Brasileiro (CISB) foi criado pela SAAB em maio de 2011. Tem como objetivo implementar acordos de cooperação em ciência, inovação e alta tecnologia entre Brasil e Suécia, integrando o maduro e bem sucedido sistema de inovação sueco com o dinâmico sistema de inovação que vem se consolidando no Brasil, além de atrair investimentos e interesse de todo o mundo. Empresas suecas como SAAB, Stora Enso e SCANIA, são alguns dos membros do Centro e incentivadoras da iniciativa. O modelo operacional do CISB é inspirado nos mundialmente conhecidos Science Parks Suecos, em que laboratórios de P&D de grandes empresas, universidades, institutos de tecnologia, empreendedores e investidores de capital de risco se encontram em um ambiente propício à colaboração para a inovação. Assim como nos Science Parks Suecos, a equipe do CISB atua como facilitador e gestor da rede de colaboração.

Sobre a SAAB AB

A SAAB atende o mercado com produtos líderes mundial, serviços e soluções que vão desde a defesa militar até a segurança civil.  A SAAB mantém operações e funcionários em todos os continentes e constantemente desenvolve, adota e aperfeiçoa novas tecnologias para atender às necessidades de seus clientes.



Outras coberturas especiais


Vant

Vant

Última atualização 22 SET, 16:00

MAIS LIDAS

F-X2