COBERTURA ESPECIAL - F-X2 - Aviação

01 de Agosto, 2012 - 11:50 ( Brasília )

Boeing promove na FIERGS o Programa de Cooperação Tecnológica do F/A-18 Super Hornet

O evento contou com a participação dos executivos da Boeing, GE, Northrop Grumman e Raytheon. Todos participantes do Programa Cooperação Tecnológica do F/A18 Super Hornet.

Ricardo Fan
Defesanet

Na abertura do evento realizado ontem (31.07) na FIERGS em Porto Alegre, o diretor da AGDI, Marcos Coester, apresentou o parque industrial gaúcho para cooperação no programa F/A 18 Super Hornet.  “O Rio Grande do Sul é segundo maior cluster de indústrias aeronáutica no Brasil, atrás apenas de São Paulo”- afirmou Marcos Coester, que foi seguido pela apresentação do Sr. Cláudio Barreto Viana, onde apresentou uma  AEROMOT revigorada e com novos projetos.

Programa de Cooperação Tecnológica F/A-18 Super Hornet

 
Após apresentações locais, Susan Cologrove – Diretora de Parcerias Estratégicas Internacionais, apresentou as propostas da Boeing. Segundo Susan: “os Estados Unidos e o Brasil buscam um relacionamento mais estreito, conforme já demonstrado em recentes encontros bilaterais. O engajamento industrial da Boeing apoia a Estratégia Nacional de Defesa Brasileira assim como aos amplos objetivos nacionais nas áreas da Educação, P&D e desenvolvimento da infraestrutura”.

“A parceria da Boeing com universidades e institutos de pesquisas possibilita o acesso da indústria brasileira a tecnologias críticas e a parceiros na educação. Estão em curso atualmente 62 programas industriais em 23 países com valor superior a US$24 bilhões.” 

A Boeing irá implantar o Centro de Pesquisa e Tecnologia – Brasil, um centro de pesquisa e tecnologia em São Paulo que irá trabalhar com os principais pesquisadores e cientistas no país para o desenvolvimento de tecnologias aeroespaciais. Com benefícios que continuaram após a conclusão dos programas de participação industrial.

Amplo Impacto Industrial no Brasil

A participação industrial da Boeing no Brasil, cumprindo os objetivos de longo-prazo do Plano Brasil Maior representará um amplo impacto industrial, principalmente nas áreas relacionadas abaixo:
 
No alinhamento estratégico

• Cooperação da Embraer
• Biocombustíveis
• Centro de Pesquisa e Tecnologia
 
No desenvolvimento das capacidades

• Educação Básica focada no STEM (Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática).
• Pesquisa e Desenvolvimento Aplicado
• Intercâmbio de Estudantes e Professores
• Desenvolvimento Profissional
• Treinamento de Mão de Obra
 
Nas oportunidades para Cadeia de Fornecedores

• Matérias Primas / Processamento Especial
• Avionica
• Atuadores
• Processos de Negócios
 
Na Tecnologia Avançada de Defesa

• Desenvolvimento de capacidades locais
• Integração de sistemas
• Modificações e atualizações
• Processos de tecnologias de fabricação e suporte
• Oportunidades de Exportação
• Alavancagem de cadeia de fornecedores globais


Northrop Grumman
 
Bob Riffle apresentou o enfoque da Northrop Grumman em Cooperação conjunta e transferência de Tecnologia para o Brasil. O objetivo da Northrop Grumman é direcionar a transferência de tecnologia para as áreas desejadas pelo Governo Brasileiro – maximizando seu valor e abrangendo a base tecnológica diversificada da Northrop Grumman.
 
“Engenheiros brasileiros e da Northrop Grumman irão trabalhar em conjunto para desenvolver compósitos avançados destinados ao F-X2 Super Hornet, em Equipes Integradas de Produtos. Projetistas de ferramentas brasileiros e da Northrop Grumman irão se unir para projetar ferramentas avançadas para compósitos para o F-X2 Super Hornet. Técnicos Aeroespaciais brasileiros irão trabalhar com os técnicos da Northrop Grumman na produção de peças em compósitos avançados para o F-X2 Super Hornet.”
 
Transferência de Tecnologia e Pacotes de Trabalho destinados ao Brasil
 
• Certificação de instalações e processos
• Suporte técnico para a produção
• Engenharia de ligação
• Pedidos de ferramentas para compósitos avançados e ferramentas para montagem de conjuntos do F-X2
• Pedidos tanto para peças de compósitos avançados e para componentes principais dos conjuntos para o F-X2


Projetos de Compensação da GE
 
Alberto Frauenberg da GE apresentou o plano de parceria no programa F/A-18 Super Hornet com os benefícios para o Brasil. Segundo Alberto Frauenberg a GE oferece capacidades únicas de cooperação industrial para o Brasil.
 
Montagem, Inspeção e Ensaio do Motor F414.
• GE fornece kits de motor
• Participante brasileiro a ser determinado em colaboração com o Ministério da Defesa
 
Manutenção dos Motores F414 e T700
• Desenvolver a capacidade de apoio no país
• Nível de Manutenção a ser determinado em conjunto com a FAB
• Entidades brasileiras em potencial onde a unidade de MRO (Maintenance, Repair and Overhaul) poderá ser estabelecida – A ser determinado com a FAB.
• Após a seleção da unidade de MRO, uma minuciosa avaliação técnica será feita para determinar o que é necessário para um alto nível de capacitação de MRO.
 
Programa Executivo Brasil (BEP - Brazil Executive Program)
 
BEP é um programa de treinamento baseado nas práticas de treinamento, metodologias, melhores práticas, filosofia de gestão e tecnologia da GE que é exclusivamente fornecido de forma personalizada para estudar e aprender com os líderes empresariais da GE.

A educação estilo GE Crotonville para funcionários do alto escalão do governo e líderes empresariais. Programa com duração de 5 anos, com duas sessões independentes por ano.
 
Marketing de Etanol e Programa de Assistência para Exportação (EMEAP - Ethanol Marketing & Export Assistance Program)
 
EMEAP é um programa de assistência para a exportação e marketing de Etanol projetado para aumentar as exportações brasileiras de etanol por meio do acesso ao Marketing e a rede de Fornecedores Internacionais e parceiros da GE.
 
As atividades do programa incluem a compra de bens e serviços de etanol, assim como a exportação de produtos e serviços relacionados com o etanol.
 
Pesquisa e Desenvolvimento em Conjunto (JRD - Joint Research & Development)
 
JRD é um Programa de Colaboração de Tecnologia em conjunto, para desenvolver e transferir tecnologia para o Brasil. O JRD propõe-se a assistir o governo, a indústria e o pessoal militar brasileiro a identificar e desenvolver tecnologias em que tenham um interesse particular. 

Ter como base tecnologias e pessoal da GE escolhidos e desenvolver projetos de Pesquisa e Desenvolvimento para auxiliar a alcançar as metas exigidas. Ampla gama de projetos de pesquisa (tanto básica como aplicada). Utilizando cientistas e engenheiros do Centro Tecnológico GE Brasil
 
Centro de Excelência em Tecnologia da Saúde (HTCOE - Health Technology Center of Excellence)

O HTCOE é um programa para:
• Auxiliar os órgãos de saúde brasileiros no desenvolvimento e fornecimento melhorado de serviços de diagnósticos de saúde
• Otimizar o fluxo de informações de saúde e uso de dados provenientes das instituições de saúde selecionadas.
• Melhorar o diagnóstico e fluxo das informações de saúde
• Integrar o Brasil com um core business da GE
• Implementar um projeto de saúde mutuamente acordado com base na tecnologia e no conhecimento da GE
• Melhorar metas tecnológicas de saúde em áreas como diagnósticos médicos, monitoramento e informação de saúde.
 
Raytheon, o exemplo do SIVAM
 

Larry Seeley da Raytheon encerrou o evento apresentando o plano de cooperação para o programa F/A-18 Super Hornet.
 
Segundo Larry, a Raytheon completou com sucesso 291 programas de transferências de tecnologia em 32 países e ainda usou o exemplo do SIVAM que representou um esforço de integração complexo e sem precedentes na transferência de tecnologia. Onde após o término, o Brasil assumiu a responsabilidade pelas operações, manutenção e atualização do sistema SIVAM.
 
“O SIVAM é uma prova da bem sucedida transição entre os esforços conduzidos pela Raytheon e a total autonomia. A Raytheon oferece ao Brasil oportunidades significativas de participação industrial em sistemas de avionica de última geração”, ressaltou Larry Seeley.



Outras coberturas especiais


Panorama Haiti

Panorama Haiti

Última atualização 17 NOV, 19:40

MAIS LIDAS

F-X2