COBERTURA ESPECIAL - F-X2 - Tecnologia

29 de Maio, 2012 - 16:01 ( Brasília )

Plataforma colaborativa do CISB elabora mais de 30 propostas para programa Ciência sem Fronteiras

Foram mais de 485 inscrições de pesquisadores e professores para colaborar em projetos de segurança e defesa

O Centro de Pesquisa e Inovação Sueco-Brasileiro (CISB), criado pela Saab, completou recentemente um ano de atividades. Desde sua inauguração, o CISB tem trabalhado em atividades para a construção de uma rede de inovação aberta entre o Brasil e Suécia.

Por isso, a entidade escolheu a Semana da Inovação Brasil-Suécia: Inovação para o Desenvolvimento Sustentável, promovida pelo governo sueco no Rio de Janeiro, de 28 de maio a 1º de junho, para fazer um balanço das propostas recebidas pela plataforma colaborativa que tinha o objetivo de receber projetos nas áreas de segurança e defesa para submeter ao programa Ciência sem Fronteiras, do governo federal.

Ao todo, foram 485 inscrições de pesquisadores candidatos a bolsas de pós-doutorado e doutorado sanduíche, de professores de universidades suecas e, ainda, de pesquisadores da Saab. Os professores suecos realizaram 31 propostas aos candidatos brasileiros, que responderam com 35 ideias. O resultado final foram 32 propostas submetidas na plataforma oficial do programa federal, por meio do CNPq - 11 para PhD e 21 para pós-doutorado.

Se todas forem aprovadas pelo programa, o CISB terá atingido, já em seu primeiro ano de atuação, seu objetivo de oferecer 30 bolsas de estudo, de um total de 100, que serão co-financiadas pela Saab e o CNPq para pesquisadores brasileiros desenvolverem seus projetos em universidades na Suécia e em outros países.

"Considerando a especificidade do tema (defesa e segurança) e por ser um setor da economia pouco desenvolvido no Brasil, somado ao elevado requisito exigido dos candidatos, o CISB atingiu sua meta ao receber mais de 30 propostas validadas por meio da intensa interação na plataforma. O ambiente contou com 485 inscritos e discutiu 66 propostas ao longo de dois meses. O resultado dessa primeira chamada é muito satisfatório para o CISB", afirma Bruno Rondani, diretor-executivo do CISB.

Sobre o CISB

Sediado em São Bernardo do Campo, o Centro de Pesquisa e Inovação Sueco-Brasileiro (CISB) foi criado pela Saab em maio de 2011 com o objetivo de implementar acordos de cooperação em ciência, inovação e alta tecnologia entre Brasil e Suécia, integrando o maduro e bem sucedido sistema de inovação sueco com o dinâmico sistema de inovação que vem se consolidando no Brasil, além de atrair investimentos e interesse de todo o mundo. Empresas suecas, como Saab, Stora Enso e Scania, são alguns dos membros do Centro e incentivadoras da iniciativa.

 

O modelo operacional do CISB é inspirado nos mundialmente conhecidos Science Parks Suecos, em que laboratórios de P&D de grandes empresas, universidades, institutos de tecnologia, empreendedores e investidores de capital de risco se encontram em um ambiente propício à colaboração para a inovação. Assim como nos Science Parks Suecos, a equipe do CISB atua como facilitador e gestor dessa rede e ambiente e colaboração.



Outras coberturas especiais


Vant

Vant

Última atualização 22 SET, 16:00

MAIS LIDAS

F-X2