COBERTURA ESPECIAL - Fronteiras - Terrestre

09 de Março, 2015 - 15:40 ( Brasília )

Exército realiza entrega de embarcação para o projeto SISFRON


O Comando da 18ª Brigada de Infantaria de Fronteira realiza no dia 10 de março de 2015, a entrega da Embarcação de Apoio Logístico Forte de Coimbra à 3ª Companhia de Fronteira / Forte de Coimbra. Dotada de meios de navegação fluvial de última geração, duplo sistema de governo, capacidade para 60 passageiros em poltronas-leito e 20 mil litros de óleo diesel, suporta até 140 toneladas de carga, possui 30 metros de comprimento e camarotes climatizados que aumentam a capacidade de autonomia da tropa e da embarcação durante as ações de patrulhamento e vigilância da faixa de fronteira.

Consonante com a Estratégia Nacional de Defesa (END), publicada no ano de 2009, que prevê o incentivo ao desenvolvimento da tecnologia bélica e da indústria nacional de defesa, a produção da embarcação foi realizada pelo Estaleiro Bibi.

O Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras (SISFRON) é um sistema integrado de sensoriamento, de apoio à decisão e de emprego operacional cujo propósito é fortalecer a presença e a capacidade de ação do Estado na faixa de fronteira.

O SISFRON foi concebido por iniciativa do Comando do Exército, em decorrência da aprovação da Estratégia Nacional de Defesa, em 2008, que orienta a organização das Forças Armadas sob a égide do trinômio monitoramento/controle, mobilidade e presença. O sistema enfatiza o adensamento de Unidades das Forças Armadas nas fronteiras e impulsiona a capacitação da indústria nacional para a conquista da autonomia em tecnologias indispensáveis à defesa.

Para o Exército, o SISFRON deverá, além de incrementar a capacidade de monitorar as áreas de fronteira, assegurar o fluxo contínuo e seguro de dados entre diversos escalões da Força Terrestre, produzir informações confiáveis e oportunas para a tomada de decisões, bem como atuar prontamente em ações de defesa ou contra delitos transfronteiriços e ambientais, em cumprimento aos dispositivos constitucionais e legais que regem o assunto, em operações isoladas ou em conjunto com as outras Forças Armadas ou, ainda, em operações interagências, com outros órgãos governamentais.

Com investimentos de mais de R$ 12 bilhões em recursos do Governo Federal e um tempo de 10 anos para total implantação, o SISFRON é considerado um projeto que vai empregar tecnologia para ajudar o Exército Brasileiro, em parceria com as Secretarias de Segurança, a melhorar a segurança pública em quase 17 mil quilômetros de fronteira, na divisa de 11 estados brasileiros com outros países.

No fim do ano passado foi ativada a primeira unidade do SISFRON no Estado do Mato Grosso do Sul, no município de Dourados, para fortalecer a presença e a capacidade de ação do Estado na faixa de fronteira, bem como, auxiliar as forças policiais no combate aos ilícitos como o tráfico de drogas, armas, contrabando e também, defesa sanitária.

Fonte: Comunicação 18ª BDA INF Fron