COBERTURA ESPECIAL - FIA - RIAT

11 de Julho, 2016 - 09:20 ( Brasília )

Boeing - Prevê 20 anos de mercado Aquecido

Boeing prevê demanda de 39.620 novas aeronaves estimadas em US$ 5,9 trilhões Demanda por aeronaves de corredor único seguirá impulsionando o mercado; América Latina precisará de 2,960 aeronaves

 

Farnborough, Reino Unido, 11 de julho de 2016 – A Boeing prevê que nos próximos 20 anos haverá uma demanda de 39.620 novas aeronaves, o que representa um aumento de 4,1% em relação às previsões anunciadas no ano passado. Em valores estimados, os novos aviões somarão US$ 5,9 trilhões. A Boeing divulgou o seu relatório anual Perspectivas de Mercado (Current Market Outlook, ou CMO, em inglês) no primeiro dia do Salão Aeronáutico de Farnborough, que acontece de 11 a 17 de julho, no Reino Unido.
 
"Apesar dos recentes acontecimentos que têm impactado os mercados financeiros, o setor da aviação continuará crescendo em uma visão de longo prazo, com a frota comercial dobrando de tamanho", disse Randy Tinseth, vice-presidente de Marketing da Boeing Aviação Comercial. "Nós esperamos um aumento do tráfego de passageiros de 4,8% ao ano durante as próximas duas décadas", acrescentou o executivo.
 
O mercado de aeronaves de corredor único terá especial participação na expansão do mercado, com companhias aéreas de baixo custo e mercados emergentes impulsionando o crescimento. A Boeing estima que 28.140 novas aeronaves serão necessárias neste segmento, o que representa um aumento de mais de 4% em relação às previsões do ano passado.
 
"Não há dúvida de que o cerne do mercado de aeronaves de corredor único é o novo Boeing 737 MAX 8 e o atual 737-800. Aviões deste porte já são responsáveis por 76% das encomendas mundiais de aeronaves de corredor único, sendo que os nossos produtos têm uma vantagem clara nesse setor".
 
Para as aeronaves de fuselagem larga, são previstos 9.100 aviões, com uma grande ênfase no potencial de substituição de aviões no período entre 2021 e 2028. A Boeing ainda prevê uma mudança contínua da demanda de aviões de fuselagem larga para os de pequeno e médio portes, como o 787, o 777 e o 777X.
 
Com o tráfego de carga previsto para crescer em 4,2% ao ano, a Boeing prevê a necessidade de 930 novos aviões de carga e 1.440 cargueiros convertidos.
 

Novas entregas de aeronaves até 2035

 

Tipo de aeronave Assentos Total de entregas Valor em dólares
Jatos regionais 90 ou menos 2.380 US$110 bilhões
Corredor único 90 – 230 28.140 US $3,0 bilhões
Fuselagem larga de pequeno porte 200 – 300 5.100 US $1,35 bilhões
Fuselagem larga de médio porte 300 – 400 3.470 US $1,25 bilhões
Fuselagem larga de grande porte 400 e acima 530 US $220 bilhões
Total --------- 39.620 US $5,9 trilhões
 

 
O mercado da Ásia, incluindo a China, continuará na liderança no total de entregas de aeronaves durante as próximas duas décadas.
 
Novas entregas de aeronaves até 2035
 

Região Entregas de aeronaves
Ásia 15.130
América do Norte  8.330
Europa 7.570
Oriente Médio 3.310
América Latina 2.960
África 1.150
C.I.S. (Comunidade de Estados Independentes) 1.170
Total 39.620
 

 

O documento Perspectivas de Mercado da Boeing é a mais tradicional previsão de demanda de aeronaves do mercado, sendo considerado a mais completa análise da indústria de aviação. O relatório completo, em inglês, está disponível em www.boeing.com/cmo.











Outras coberturas especiais


Doutrina Militar

Doutrina Militar

Última atualização 17 OUT, 00:38

MAIS LIDAS

FIA - RIAT