COBERTURA ESPECIAL - Modernização FAB - Aviação

17 de Janeiro, 2017 - 09:00 ( Brasília )

Comitê de Implantação do Comando de Operações Aeroespaciais é ativado em Brasília

Durante a solenidade, Tenente-Brigadeiro Machado assumiu a presidência do Comitê e o comando do COMDABRA

Ten Evellyn Abelha

A Força Aérea Brasileira (FAB) ativou nesta sexta-feira (13/01) o Comitê de Implantação do Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE), em Brasília (DF). A nova unidade faz parte do projeto de reestruturação da FAB e abarcará, entre outras, as atividades de defesa aérea e antiaérea desenvolvidas pelo Comando de Defesa Aeroespacial Brasileiro (COMDABRA).

A solenidade foi presidida pelo Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato, e contou com a presença de autoridades civis e militares.

“Esse rito é a consolidação de estudos completos de um longo período de análises e críticas, de esforços que buscam tão somente a evolução de nossa Força Aérea para um futuro mais moderno e operacional. Hoje, foi ativada uma das mais relevantes estruturas de nossa organização”, destacou o Tenente-Brigadeiro Rossato.

O COMAE será o Comando Operacional Conjunto, permanentemente ativado, responsável pelo planejamento, coordenação, execução e controle das operações aeroespaciais, tanto recorrentes quanto eventuais. Esse novo comando conjugará ainda as ações de Emprego da FAB anteriormente conduzidas pelo Comando-Geral de Operações Aéreas (COMGAR) e pelas quatro unidades conhecidas como Força Aérea (FAE).

Isso inclui o transporte aerologístico, a busca e salvamento e a patrulha marítima, além das operações conjuntas determinadas pelo Ministro da Defesa. “Sob seu gerenciamento estarão incluídos o emprego de aeronaves remotamente pilotadas, satélites de comunicações e as futuras constelações de satélites de órbita baixa, assim como toda estrutura de inteligência afeta a essas áreas do conhecimento”, explicou o Comandante da Aeronáutica.

Na ocasião, o Tenente-Brigadeiro do Ar Gerson Nogueira Machado de Oliveira assumiu a presidência do Comitê de Implantação do COMAE e também o comando do COMDABRA, cargo ocupado até então pelo Major-Brigadeiro do Ar Mário Luís da Silva Jordão. Em suas palavras, o Major-Brigadeiro Jordão destacou um pouco da história do COMDABRA e algumas das atividades desenvolvidas, como a defesa aérea na Copa do Mundo de 2014 e nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. “Conhecido e reconhecido internacionalmente pelo seu trabalho, o COMDABRA tem o orgulho de ser o primeiro comando conjunto permanentemente ativado.

A operacionalidade apresentada deu a tranquilidade para que o Comando da Aeronáutica, durante a fase dos grandes eventos, atribuísse ao COMDABRA a responsabilidade de conduzir todas as missões de emprego da Força Aérea Brasileira”, enfatizou o oficial-general, que assumirá a Chefia do Estado-Maior do Comando de Preparo (COMPREP).

O novo comandante do COMDABRA e presidente do Comitê de Implantação do COMAE tem mais de 40 anos de carreira e já assumiu diversos cargos, entre eles o de Comandante-Geral de Operações Aéreas (COMGAR), de Diretor-Geral do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) e o de Chefe de Logística do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA).



Outras coberturas especiais


Vant

Vant

Última atualização 22 SET, 16:00

MAIS LIDAS

Modernização FAB