COBERTURA ESPECIAL - Modernização FAB - Aviação

22 de Setembro, 2005 - 12:00 ( Brasília )

F-5EM - Mensagem do Comandate do COMGAR

Curiosidade histórica onde o então comandante do COMGAR, Brigadeiro Juniti Saito vei a assumir relevante função na evolução da FAB por oito anos.


Incorporação do F-5EM

Mensagem do Comandante - Geral de Operações Aéreas
21 Setembro 2005 - Base Aérea de Canoas - BACO

A Força Aérea Brasileira - braço armado do Comando da Aeronáutica - tem o compromisso de honrar o preceito institucional de manter a soberania no espaço aéreo nacional, com vistas à defesa da pátria.

Assim, conscientes dessa inalienável investidura, assinalamos, com orgulho e entusiasmo, a incorporação da aeronave F-5M ao acervo da nossa força aérea, pronto para desenvolver toda a sua potencialidade no primeiro esquadrão do décimo quarto grupo de aviação de caça, o Esquadrão PAMPA, aqui sediado, e no primeiro grupo de aviação de caça, com sede na Base Aérea de Santa Cruz.

Enche-nos de orgulho ver concretizado um antigo anseio de atualização do equipamento aéreo que tem como principal destinação ser capaz de manter o preparo técnico-profissional necessário para que as equipagens de combate possam cumprir, com eficiência, eficácia e entusiasmo, as missões das tarefas de Superioridade Aérea e Interdição e quando determinado, da tarefa de apoio ao combate.

Nos dias atuais, a atividade aérea não mais se encontra amparada no destemor daqueles que, por vocação e louvável espírito inventivo, desafiavam as leis da natureza, mas sim sustentada no elevado patamar de conhecimento técnico atingido pela ciência aeronáutica.

Dessa forma, é justo registrar a maneira consistente e ordenada com que a nossa indústria de defesa vem se desenvolvendo tecnologicamente, expandindo a sua capacidade produtiva e incrementando confiabilidade nos seus itens - um resultado direto e conjugado de crescimento qualitativo de nossos recursos humanos, do imprescindível intercâmbio além-fronteiras e do profícuo e salutar estabelecimento de parcerias e consórcios.

O resultados concreto e indiscreto dessa proposição é a aeronave F-5M.

Ela vem preencher uma lacuna em termos de modernidade e versatilidade, com ênfase na ampliação de sua capacidade de ataque e de autodefesa, aí inseridos um radar capaz de acoplar alvos simultâneos e prover interceptação autônoma, que combinada ao RWR, aos lançadores "Chaff e Flare" e ao "Datalink" , com recursos de proteção eletrônica, transferem elevado nível de confiabilidade e eficiência aos sistemas de armas, de comunicação e de navegação, o que permitirá sua utilização num leque operacional muito mais amplo.

Ao dotar a nossa aviação de caça de uma frota moderna e compatível com as exigências do teatro de operações atual, é justo reconhecermos o empenho pessoal e atribuirmos a consecução deste anseio ao nosso Comandante da Aeronáutica, o Excelentíssimo Senhor Tenente-Brigadeiro-do-Ar Luiz Carlos da Silva Bueno, que testemunha conosco, neste momento, o revigorar do elã de cada um daqueles que têm a própria história da vida confundida com a história dessa aviação, aí inseridos nosso pessoal da área técnica, de apoio e os próprios pilotos.

Tenha certeza, Tenente-Brigadeiro Bueno, que estamos todos comprometidos e identificados com as metas definidas por Vossa Excelência, em cujo bojo destaco aquela visa dar continuidade ao Programa de Fortalecimento do Controle do Espaço Aéreo Brasileiro e ao Plano de Reaparelhamento da Aeronáutica.

Por fim, cabe-me cumprimentar a todos aqueles que fazem parte dessa grandiosa estrutura. Jamais nos desviaremos da promessa solene de, por meio de nossas asas soberanas, HONRAR E DEFENDER ESTE PAÍS.

"Voar, Combater e Vencer!"

Tenente-Brigadeiro-do-Ar Juniti Saito
Comandante -Geral de Operações Aéreas



Outras coberturas especiais


UNODC

UNODC

Última atualização 19 SET, 12:30

MAIS LIDAS

Modernização FAB