COBERTURA ESPECIAL - Eventos - Terrestre

06 de Outubro, 2016 - 10:10 ( Brasília )

Sistema Pacificador garantiu segurança e defesa dos Jogos Rio 2016


Durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, foi utilizado o Sistema de Comando e Controle Pacificador, desenvolvido pelo Centro de Desenvolvimento de Sistemas (CDS), em apoio às ações de segurança e defesa conduzidas pelo Comando Geral de Defesa de Área (CGDA), instalado no Rio de Janeiro (RJ), e pelos Centros de Defesa de Área (CDA), instalados nas cidades de Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Manaus (AM), Salvador (BA) e São Paulo (SP).

O Pacificador possibilitou a obtenção da consciência situacional, o tratamento de incidentes e a sincronização e o acompanhamento das ações realizadas durante os eventos. Da primeira funcionalidade oferecida pela ferramenta, destacam-se a utilização de cartas disponíveis no Banco de Dados Geográficos do Exército (BDGEx), do arruamento – presente no servidor de mapas do sistema – e das imagens de satélite acessadas via internet.

Outra capacidade que contribuiu para a obtenção da consciência situacional foi o rastreamento de smartphones, por intermédio da rede de telefonia celular e de rádios P25, utilizando o Sistema Rádio Digital Troncalizado, hospedado na EBNet. Além disso, a marcação de pontos de interesse, de áreas e de itinerários no terreno também foi muito utilizada.

No período dos Jogos, o Sistema Pacificador gerenciou cerca de 7.600 usuários e permitiu o cadastramento de 640 incidentes, 12.000 relatos e 36.000 ações.

Cada vez mais, o Pacificador consolida-se como importante instrumento de apoio ao Comando e Controle nas ações de segurança dos Grandes Eventos, transmitindo, aos Comandantes em todos os níveis e aos usuários, confiabilidade, fidedignidade e precisão no processamento de eventos em tempo real.



Outras coberturas especiais


Base Industrial Defesa

Base Industrial Defesa

Última atualização 18 DEZ, 10:00

MAIS LIDAS

Eventos