COBERTURA ESPECIAL - Ecos - Guerras, Conflitos, Ações - Terrestre

09 de Agosto, 2011 - 10:21 ( Brasília )

EUA querem recuperar militares mortos na Coreia do Norte


Os Estados Unidos solicitaram negociações com a Coreia do Norte sobre como buscar os restos de soldados norte-americanos mortos durante a Guerra da Coreia (1950-53), disse a agência sul-coreana de notícias Yonhap na terça-feira, em meio a sinais de redução das tensões na península.

A tarefa conjunta de recuperação dos corpos foi abandonada em 2005, quando Washington alegou haver um ambiente de incerteza devido ao programa nuclear norte-coreano.

A nova solicitação ocorre pouco mais de uma semana depois de o representante norte-americano Stephen Bosworth se reunir em Nova York com o veterano negociador nuclear da Coreia do Norte, Kim Kye-gwan. Foi o primeiro contato desse tipo desde 2009.

"Os EUA recentemente enviaram uma carta solicitando uma reunião sobre a retomada da recuperação dos restos (humanos) na Coreia do Norte", disse à Yonhap a major Carie Parker, porta-voz do Departamento de Presos de Guerra/Pessoal Desaparecido do Departamento de Defesa dos EUA.

Ela acrescentou que a carta ainda não foi respondida.

Outra fonte do mesmo órgão disse que os EUA convidaram autoridades norte-coreanas a participarem de um diálogo já no mês que vem, disse a Yonhap.

A Coreia do Norte inicialmente indicou que estava aberta à retomada das discussões, o que levou os EUA a proporem formalmente a reunião, segundo essa fonte.

Quase 8.000 militares dos EUA constam como desaparecidos na Guerra da Coreia, e os restos mortais de mais de metade deles devem estar enterrados no país comunista.

(Reportagem de Jeremy Laurence)