COBERTURA ESPECIAL - Ecos - Guerras, Conflitos, Ações - Naval

01 de Junho, 2015 - 11:00 ( Brasília )

Marinha organiza programação especial para comemoração dos 150 anos da Batalha do Riachuelo

Programação começa no próximo dia 04 de junho e se encerra no dia 21

Erik Silva/Capital News


Uma extensa programação está sendo preparada pela Marinha do Brasil através do Comando do 6º Distrito Naval de Ladário, em comemoração  aos 150 anos da vitória na Batalha do Riachuelo celebrada no próximo dia 11 de junho.

Na manhã desta sexta-feira (29), o Contra-Almirante, Petrônio Augusto Siqueira de Aguiar, comandante do 6º Distrito Naval em Ladário, divulgou a programação que terá início no próximo dia 04 de junho, quando está previsto a visitação pública aos Navios Parnaíba e Leverger, que ocorre no cais do Sesc na região do Porto Geral de Corumbá.

Para o comandante do 6º DN, as ações que serão desenvolvidas ao longo do mês de junho têm um caráter muito importante no sentido de proporcionar a aproximação da população com a instituição. “Apesar de estarmos aqui há mais de 140 anos, muitas pessoas não conhecem as instalações da Marinha, e essas atividades tem um apelo muito forte de fazer com que a população tome esse conhecimento de que a Marinha é do Brasil, especialmente nesta região que foi palco dessa conquista e certamente poderíamos hoje não nos considerarmos brasileiros se o rumo da batalha tivesse sido outro”, afirmou o contra-almirante.

O comandante explicou que durante as comemorações ainda haverá um dia dedicado a visitação de todo Complexo Naval de Ladário, onde o visitante terá a oportunidade de conhecer a rotina da vida militar e as instalações. No dia 11 de junho, data magna da Marinha, haverá um desfile cívico-militar alusiva a comemoração dos 150 anos da Batalha Naval do Riachuelo, o evento será em frente ao Pórtico do Completo Naval de Ladário.

As comemorações se encerram no dia 21 de junho com a realização da Corrida Rústica e ainda a Premiação da 5ª Gincana de Artes e Premiação do Concurso de Fotos do Curso de Fotografia VCB.

Programação

Em Corumbá (MS) e Ladário (MS) serão realizadas as seguintes atividades:


Data e Hora

Evento

Local

04, 05, 06 e 07 de Junho
09h às 17h

Visitação Púbica ao Navios Parnaíba e Leverger

Cais do SESC Corumbá

06 de junho
08h às 17h

Visitação Pública ao Complexo Naval de Ladário

Complexo Naval de Ladário

06 de junho das 08h30 às 17h

5ª Gincana de Artes

Complexo Naval de Ladário

06 e 07 de junho das 09h às 17h

Exposição de Material da Marinha do Brasil

Praça do SESC Corumbá

06 e 07 de junho das 09h às 17h

Ação de prevenção e promoção de saúde do Hospital Naval de Ladário

Porto Geral de Corumbá

06 de junho das 13h30 das 17h30

Campeonato Estadual de StanpUp Pedal e Canoagem – 1ª Etapa Batalha Naval do Riachuelo-Corumbá-MS

Porto Geral de Corumbá

07 de junho às 16h30

Desfile Naval e Demonstração de Operações Ribeirinhas no Pantanal

Prainha do Porto Geral de Corumbá

07 de junho às 18h

Apresentação Banda de Música da Marinha e Banda Municipal Manoel Florêncio

Porto Geral de Corumbá

09 de junho às 15h

Entrega das obras da Escola Municipal Almirante Tamandaré Corumbá

Escola Municipal “Almirante Tamandaré” em Corumbá, na Rua 7 de Setembro S/N Bairro Cravo Vermelho

09 de junho às 19h

Palestra “Batalha Naval do Riachuelo”  150 Anos – Data Magna da Marinha e Apresentação da Banda Sinfônica da Marinha

Auditório Salomão Baruki da UFMS, na Rua Batista das Neves, n° 601
Bairro Universitário

 11 de junho às 09h

Cerimônia Cívico-Militar alusiva a Comemoração do 150° Aniversário da Batalha Naval do Riachuelo

Pórtico do Complexo Naval de Ladário

21 de junho às 08h

Corrida Rústica da Batalha Naval do Riachuelo, Premiação da 5ª Gincana de Artes e Premiação das fotos do Curso de fotografia da VCB

Pórtico do Complexo Naval de Ladário

 

Batalha do Riachuelo


História
Esta batalha naval colocou de um lado os paraguaios e de outro os brasileiros. O Paraguai, sem conexão com o mar, queria muito controlar os rios da bacia do Prata, pois significava uma saída para o Oceano Atlântico, ou seja, uma via de transporte de pessoas e mercadorias.

Na fase inicial da guerra, o Paraguai já havia feito importantes conquistas militares, ocupando regiões da Argentina, Mato Grosso e Rio Grande do Sul. Se saíssem vencedores da Batalha do Riachuelo, iriam controlar os rios Paraná e Paraguai e dar um importante passo na conquista do Rio Grande do Sul e do Uruguai. Desta forma, poderiam fazer comércio com outros países e até receber armas da Europa.

Vitória brasileira na Batalha do Riachuelo
A estratégia paraguaia era boa. Aproveitariam o nevoeiro intenso da madrugada para atacar os navios de guerra brasileiros. Porém, um dos navios paraguaios apresentou um problema e fez com que todos outros chegassem atrasados (9h da manhã) para o ataque, num momento que o nevoeiro já havia passado. Com boas condições climáticas e visuais, as forças navais brasileiras, lideradas pelo Almirante Barroso venceram o Paraguai nesta importante e estratégica batalha.


Alguns dados da Batalha do Riachuelo:
- A frota brasileira era composta por nove navios de guerra. Já a frota paraguaia possuía 8 navios de guerra.
- Cerca de 2.500 militares brasileiros combateram na Batalha do Riachuelo.