COBERTURA ESPECIAL - Doutrina Militar - Terrestre

25 de Maio, 2018 - 10:30 ( Brasília )

Entusiasmo e vibração marcaram o Exercício de Longa Duração de oficiais-alunos e aspirantes capelães


Na semana de 14 a 18 de maio, os integrantes do Curso de Formação de Oficiais do Quadro Complementar (CFO/QC) e do Estágio Instrução e Adaptação para Capelães Militares (EIA/CM) da Escola de Formação Complementar do Exército (EsFCEx) realizaram o Acampamento da Instrução Individual Básica no Campo de Instrução do 19º Batalhão de Caçadores (19º BC).

Os alunos do CFO/QC e EIA/CM iniciaram as atividades no terreno com uma marcha a pé de 12 km até a área de instrução e acampamento, no 19º BC. O pelotão composto por 23 alunos seguiu um cronograma diário de atividades, com instruções de Ofidismo, Orientação Diurna e Noturna, Progressão Diurna e Noturna, Tiro de Ação Reflexa, Transposição de Curso D’água, Pista de Cordas, Primeiros-Socorros, Transporte de Feridos, Sobrevivência, dentre outras.

 
 
Fotos: Sd Santana / Sd Campos

Por meio do exercício de campo, os alunos puderam desenvolver, nas diversas instruções, eminentemente práticas, o espírito de corpo e o moral da tropa, exercitando o vigor físico, a rusticidade e a capacidade de resistência à fadiga.

Após desgastante sequência de instruções militares, no Exercício de Longa Duração (ELD), o Corpo Permanente da Escola de Formação Complementar do Exército e Colégio Militar de Salvador (EsFCEx/CMS) e familiares recepcionaram, em tradicional formatura, os alunos concludentes do acampamento. 

Durante a formatura, a Tenente-Aluna Eccard, destaque no ELD, recebeu homenagem como reconhecimento da superação dos desafios típicos dessa difícil fase da formação dos futuros integrantes do Quadro Complementar de Oficiais e do Quadro de Capelães Militares.

Na Escola de Saúde do Exército, tudo pronto para encarar o Dia Verde e consolidar conhecimentos¹


Nos dias 14 e 15 de maio, o Corpo de Alunos da Escola de Saúde do Exército (EsSEx) realizou atividades preparatórias para o Acampamento de Instrução, também chamado de “Dia Verde”.

As atividades realizadas serviram como ambientação aos alunos, em especial, as de apronto operacional, camuflagem, bivaque, marcha de 8 km, patrulha, além de instruções diurnas e noturnas com aprimoramento da rusticidade, do vigor e da resistência dos militares.

Em 2018, a EsSEx conta com 95 alunos, dentre médicos generalistas e especialistas, dentistas e farmacêuticos, que estão recebendo formação militar para integrar o Quadro de Carreira do Serviço de Saúde.

 
 
¹Fotos: Cb Demétrio EsSEx

VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


11/Setembro

11/Setembro

Última atualização 09 DEZ, 20:13

MAIS LIDAS

Doutrina Militar