COBERTURA ESPECIAL - Doutrina Militar - Terrestre

03 de Dezembro, 2017 - 16:00 ( Brasília )

Gen Villas Boas - Mensagem aos Novos Aspirantes "O Brasil tem jeito"

Mensagem do GenEx Villas Boas aos Aspirantes de 2017 da AMAN.


Mensagem Comandante do Exército 
General-de-Exército
Eduardo Dias da Costa Vilas Bôas aos novo Aspirantes
AMAN - 02 Dezembro 2017
(itálicos DefesaNet)


Turma Tenente Iporan Nunes de Oliveira

 
Meus Aspirantes,
         
É indescritível, o orgulho que como Cmt Ex e Asp formado em 1973, presido esta cerimônia.
         
De hoje em diante, vocês serão “o sangue novo” da nossa Força Terrestre, esperados em todos os quartéis, com interesse e expectativa. Imersos nessa emoção, quando cruzarem o portão de Oeste, que só se abre uma vez no ano, começa a carreira de Oficial e se inicia um caminho de Liderança.
         
Ao vê-los, e imaginar o que domina seus pensamentos, é impossível não ser otimista! Não enxergar na essência da nossa formação, as marcas do caráter militar forjado em cada um e as certezas do idealismo jovem, transformador do mundo, tão forte, que é capaz de fazê-lo mesmo. Isso contrasta com a tristeza e apatia que se tem abatido sobre a sociedade nesses últimos tempos, onde é tão profuso reclamar direitos e tão raro proporcionar exemplos.
         
Vocês são a convicção de que o Brasil tem jeito, de que muita coisa boa permanece e que, ao final, a justiça e a cordialidade do nosso povo prevalecerão.

         
Como já lhes falei, atravesso um momento pessoal delicado, mas ao encará-los, me sinto renovado.
         
Se me falta movimento, vocês serão as pernas do Comandante a patrulhar diuturnamente nossos 17 mil Km de fronteira. Serão também os braços do Exército a proteger nossa gente tão carente de bondade. Serão as mãos que empunham as armas garantidoras da Paz, da Liberdade e da Soberania e os olhos vigilantes da Pátria que não dormem jamais. Serão o equilíbrio entre coração e a razão e a expressão pura do patriotismo tão esquecido e aviltado por ganância, corrupção e individualismo.
        
Quero cumprimentar as famílias, incentivadoras de sua vocação. Saúdo também essa Academia, seus instrutores e professores, amálgama e fortaleza do nosso Exército.
         
Entrego, a partir de janeiro, a cada um de vocês, nosso maior tesouro. A tropa! 30 a 40 cabos e soldados, alguns sargentos, que passam a ser sua responsabilidade e nova família.
         
Cuidem-se, vivam, vibrem e não economizem suor. Ao se retirarem desse Pátio, contemplarão a imagem das Agulhas Negras...depois de 44 anos de formado, posso confessar, essa imagem nunca os abandonará.
 
Sejam muito felizes.

Resende, RJ. 2 de dezembro de 2017

General-de-Exército Eduardo Dias da Costa Vilas Bôas
Comandante do Exército


 

Notas DefesaNet

Tenente Iporan Nunes de Oliveira

Por tradição as turmas nomeiam uma denominação histórica. Desta feita a homenagem foi para um herói da Força Expedicionária Brasileira, o Tenente Iporan Nunes de Oliveira.

Se a nossa nação fosse dada a enaltecer os verdadeiros vultos da história o Tenente Iporan teria lugar de destaque. Liderou o seu pelotão no combate e conquista da cidadela fortificada de Montese, até atingir o objetivo final, sem esmorecer, sem titubear. O Comando Aliado, que enquadrava a tropa brasileira naquela jornada, não poupou elogios e comendas, além de estudar com profundidade o que lá fora executado como exemplo para operações similares àquela. Mas, o resultado final daquela jornada só aconteceu por causa do Iporan.

01 da Turma Ten Iporan


Dentre os 426 formandos destacou-se o Asp Of Eng Maykon Chesler Lourenço, 1º colocado da turma. Órfão de pai e mãe desde muito cedo, foi criado pelo irmão. 
O detalhe importante é que antes de entrar na AMAN foi soldado especialista da Força Aérea Brasileira e galgou, por seu mérito, a estrela prateada de oficial do Exército. Na foto Brigadeiros, o cumprimentam, no dia que é declaradocom Aspirante a Oficial do Exécito Brasileiro.



Texto  CelR1Marco Antonio Esteves Balbi