COBERTURA ESPECIAL - Doutrina Militar - Terrestre

20 de Setembro, 2017 - 08:45 ( Brasília )

Exercício Combinado inédito entre o Brasil e o Paraguai amplia intercâmbio e amizade entre as nações


De 18 a 22 de setembro, no oeste do estado do Paraná, está sendo realizado um Exercício Combinado entre o Brasil e o Paraguai, denominado “Operação Paraná”.

Trata-se de uma atividade inédita, realizada com tropas dos dois países, em território brasileiro, com o objetivo de ampliar o intercâmbio e a amizade entre as nações e seus exércitos. Durante o período, ocorrerão planejamentos do Estado-Maior de um Batalhão de Infantaria Mecanizado (a Força Combinada Paraná), integrado por oficiais dos dois exércitos.



Além disso, haverá a execução de operações ofensivas por uma Companhia de Fuzileiros Mecanizada, composta por dois Pelotões brasileiros e um Pelotão paraguaio. No dia 17 de setembro, haviam chegado à guarnição de Cascavel os oficiais do Estado-Maior e o Pelotão de Fuzileiros do Paraguai que estão integrando a Força Combinada Paraná.

Em continuidade às atividades de preparação, após o briefing inicial, houve instruções de nivelamento, como manejo de armamento, comunicações e embarque e desembarque da Viatura Blindada de Transporte de Pessoal Média de Rodas (VBTP-MR) Guarani.

No dia 18, ocorreu a formatura no 33° Batalhão de Infantaria Mecanizado, marcando o início do Exercício propriamente dito. Coroando a atividade, no dia 22, acontecerá uma demonstração de ataque coordenado da Força Combinada Paraná, evento que contará com a presença de diversas autoridades, com destaque para oficiais-generais do Brasil e do Paraguai.


 

Fotos: 33ª Bda Inf Mtz / Agência Verde-Oliva - EB

VEJA MAIS