COBERTURA ESPECIAL - Doutrina Militar - Terrestre

10 de Outubro, 2016 - 01:00 ( Brasília )

EsSA - Escola de Sargento das Armas teve 90.000 inscritos sendo 20.000 mulheres

CAF do GUEs-9ª Bda Inf Mtz realiza a primeira fase do concurso para ingresso na EsSA


No último domingo (09OUT2016), o Grupamento de Unidades Escola-9ª Brigada de Infantaria Motorizada (GUEs-9ª Bda Inf Mtz) participou ativamente do processo seletivo para o Concurso de Admissão aos Cursos de Formação de Sargentos da Escola de Sargento das Armas (EsSA), nos bairros de Realengo, Marechal Hermes, Vila Militar e Deodoro, situados na Zona Norte e Oeste do Rio de Janeiro, como uma Organização Militar Sede de Exame (OMSE), por intermédio de sua Comissão de Aplicação e Fiscalização (CAF).

Com mais de noventa mil inscritos, o processo deste ano teve uma novidade, pela primeira vez o Exército Brasileiro admitiu a inscrição de mulheres nas áreas combatente, logística/técnica e aviação. Essa oportunidade atraiu um número considerável de candidatas, cerca de doze mil inscritas.

Entre elas, está a jovem Letícia Araújo, de 18 anos. Candidata à área de combatente, ela diz que tem o sonho de seguir carreira militar, não se intimida com os desafios que terá pela frente, e vê na EsSA uma boa oportunidade para as mulheres. "Estou me preparando para esta prova há quase 1 ano e estou muito confiante. Pretendo ingressar na EsSA e continuar estudando para no futuro ser oficial", confidencia.

Em outro ponto de aplicação do exame, os amigos Jefferson, Rodrigo e Pedro Paulo também compartilham dos mesmos planos de ingressarem na Instituição. "Fizemos curso preparatório juntos, nos preparamos bastante e estamos ansiosos por um bom resultado. A ESA é um passo importante para construção de carreira militar, explica um dos jovens.

A coordenação e fiscalização dos locais de aplicação de provas, esteve a cargo do Comando Militar do Leste (CML) e cada OMSE contou com uma CAF, responsável por garatir a aplicação do exame intelectual de acordo com as normas estabelecidas no edital do conscurso.

A CAF do GUEs-9ª Bda Inf Mtz recebeu 6340 inscrições. Candidatas do seguimento feminino representaram cerca de vinte e dois por cento desse percentual, uma quantidade experessiva, sobretudo por ser o primeiro ano em que a Escola de Sargentos das Armas abre oportunidade para mulheres como combatentes. Um grande passo para a consolidação da presença feminina na Força.

O concurso se iniciou às 13h e terminou às 17h, não havendo incidentes durante a realização das provas, atestando, mais uma vez, a excelência do GUEs-9ª Bda Inf Mtz no cumprimento da missão.