28 de Setembro, 2012 - 13:15 ( Brasília )

Defesa

General Dynamics UK anuncia abertura de subsidiária brasileira


A General Dynamics anunciou hoje a abertura de uma subsidiária brasileira, a General Dynamics do Brasil, aproveitando a visita ao Brasil do primeiro-ministro britânico nesta semana, David Cameron, que virá acompanhado por uma delegação de empresários britânicos.

A General Dynamics do Brasil fornecerá recursos aos setores de defesa e segurança brasileiros através de parcerias estratégicas com empresas brasileiras; facilitar a transferência de conhecimento do Reino Unido para o Brasil e trabalhar para desenvolver soluções locais para os seus clientes brasileiros. A GD do Brasil também pretende abrir uma instalação de tecnologia EDGE® no Brasil para apoiar as relações entre as empresas de pequeno e médio porte britânicas e brasileiras e instituições de ensino, e está participando do programa Ciência Sem Fronteiras, no qual estudantes brasileiros terão a oportunidade de visitar universidades britânicas e fazer estágios no país.
 
David Cameron disse: “A expansão da General Dynamics UK no Brasil é um exemplo perfeito de como uma empresa britânica pode aumentar o seu nível de negócios, atraindo clientes de novos mercados no exterior. Isto ajudará a preservar os empregos domésticos e também oferecer oportunidades às pequenas empresas britânicas que estiverem trabalhando em parceria com a General Dynamics de conseguirem novos contratos, além de servir como um atestado de conhecimento do Reino Unido no que se refere ao setor de defesa e tecnologia ”.
 
O presidente e diretor administrativo da General Dynamics UK, Dr. Sandy Wilson disse: “A abertura da General Dynamics do Brasil e a nossa intenção de abrir uma instalação EDGE® no Brasil é indício do nosso comprometimento com os nossos clientes brasileiros e com o mercado brasileiro, e facilitará a transferência de conhecimento e capacidade ao Brasil, ao trabalharmos com os nossos parceiros atuais e futuros na região. Nós pretendemos trabalhar aqui com os nossos parceiros brasileiros para fornecer capacidade brasileira”.
 
Atualmente, o Brasil está em processo de conseguir algumas soluções de defesa e segurança que beneficiem das capacidades do sistema de integração da General Dynamics UK, que variam de um Sistema de Comando e Controle em antecipação à Copa do Mundo e aos Jogos Olímpicos, de 20 milhões de libras esterlinas; à principal oportunidade de U$ 4 bilhões, SisGAAZ, que integrará uma rede C4Ipara proteger 8000 quilômetros de litoral, uma zona econômica de exclusão, as plataformas continentais (petróleo bruto e jazias de gás), assim como contribuir com operações de busca e salvamento.
 
A General Dynamics UK é um dos principais fornecedores mundiais de soluções integradas de segurança, que trabalha com uma gama de requerimentos do governo e infra-estruturas nacionais primordiais, tais como as fronteiras e grandes áreas que necessitam de proteção ao setor civil, incluindo a industria mundial de petróleo e gás. Recentemente, ela entregou o Port Operating System (Sistema Operacional Portuário) ao recente inaugurado Porto de Khalifa nos Emirados Árabes Unidos, tornando-o o mais seguro e avançado porto na região; protegeu as mais novas plataformas de petróleo da BP, no Mar do Norte, Clair Ridge; e forneceu uma infra-estrutura completa de telecomunicações e segurança à maior instalação de transformação de gás em líquido do mundo, a Shell Pearl GTL, no Catar.

Esse conhecimento e essa capacidade serão muito importantes para as crescentes atividades do Brasil de exploração de petróleo e gás. Da mesma forma, as instalações portuárias que serão construídas ou melhoradas nos próximos anos também serão de suma importância, pois irá fornecer capacidades de integração ao país, que beneficiaria de programas como o SisGAAZ.
 
A General Dynamics é também uma das poucas empresas que sabem como usar essa capacidade de integração para vencer os desafios de segurança e requerimentos dos governos, suas forças de segurança e empresas privadas que querem proteger os seus valiosos bens contra ataque ou invasão, sejam populações, fronteiras, infra-estruturas nacionais ou instalações. Fornecemos sistemas robustos que garantem a continuidade do negócio. A General Dynamics irá facilitar a transferência de conhecimento e tecnologia para o Brasil que foram usados para o controle de fronteiras e vigilância, centros de controle emergenciais e programas críticos de infra-estrutura nacional em outras partes do mundo.

 ENDS
 
A UK EDGE® tem sido um mecanismo bem-sucedido na facilitação da entrada de novas tecnologias e capacidades nos principais programas britânicos, que normalmente não teriam sido incluídos devido à capacidade restrita de investimento de pequenas empresas e universidades em trazer para o mercado novas inovações.

A General Dynamics UK é o principal fornecedor de capacidade de sistemas terrestres do Ministério da Defesa britânico. Ela fornece o Bowman, mundialmente conhecido como um dos principais sistemas de comunicações digitais e reconhecimento de situações; as soluções de vigilância de perímetro nas bases do exército britânico, que ajudaram a salvar a vida de vários soldados em operações complexas; e o programa Specialist Vehicle (Veículo Especializado), a próxima geração de tanques de combate de peso médio do exército do Reino Unido.

A empresa é conhecida por integrar mais de 15.000 veículos militares terrestres, mais de 130 navios da marinha, mais de 60 aviões e  o treinamento de mais de 74.000 funcionários. Também desenvolve sistemas holísticos que fornecem comunicações rápidas, vigilância, reconhecimentos de situações e capacidade de tomar decisões à funcionários, plataformas móveis e infra-estruturas fixas e móveis.