23 de Abril, 2012 - 12:19 ( Brasília )

Defesa

Em viagem ao ‘berço do Exército’, Celso Amorim acompanha atuação de militares no Nordeste


Depois de prestigiar solenidade em homenagem ao Dia do Exército ao lado da presidenta Dilma Rousseff, na última quinta-feira (19), em Brasília, o ministro da Defesa, Celso Amorim, estendeu – a convite do comandante do Exército, general Enzo Peri – a agenda de eventos alusiva à data.

Ainda na quinta-feira, Amorim e Enzo embarcaram para Recife (PE), cidade tida como o “berço do Exército Brasileiro”. Ali e nos arredores, participaram de uma série de atividades vinculadas à força terrestre.

À tarde, eles visitaram o Parque Histórico Nacional dos Guararapes, no município de Jaboatão, região metropolitana de Recife. O local foi palco de confrontos entre as forças nacionalistas – integradas por brancos, índios e negros – e os invasores holandeses, a partir de 1648. Pelo simbolismo, a primeira Batalha dos Guararapes, ocorrida no dia 19 de abril daquele ano, inspirou a origem do Exército Brasileiro.

O programa terminou com uma visita ao Santuário de Nossa Senhora dos Prazeres, padroeira do Comando Militar do Nordeste (CMNE), unidade do Exército responsável por organizar, na capital pernambucana, o roteiro de atividades do ministro.

À noite, Celso Amorim e o general Enzo realizaram a abertura da exposição “Exército Brasileiro Sempre em Ação”, que se dedica a resgatar a história da força terrestre, bem como exibir os equipamentos utilizados hoje e projetar novas tecnologias para o “Exército do Futuro”.

“Iniciativas como essas servem para mostrar que o Exército Brasileiro atua não só na guerra, que esperamos nunca venha a acontecer, mas também em tempos de paz”, declarou Amorim, ao abrir a exposição. Cerca de 150 pessoas, entre autoridades militares e convidados, compareceram ao evento.

Visita ao CMNE

Na sexta-feira de manhã, uma apresentação do comandante Militar do Nordeste, general Odilson Sampaio Benzi, na sede da 7a. Região Militar, detalhou a importância estratégica do CMNE, sua organização administrativa e presença na região.

Após assistir a apresentação, o ministro da Defesa realizou a inspeção da tropa local. Na ocasião, 475 militares integrantes da “Força dos Guararapes” desfilaram e entoaram, acompanhados de banda, a “Canção do Exército”. Em seguida, o comandante do CMNE convidou Amorim para conhecer os equipamentos do Hospital de Campanha Móvel da unidade.

À tarde, Celso Amorim, acompanhado do general Enzo, visitou as obras de restauração e duplicação de um trecho da BR-101, a cargo de batalhões de engenharia do Exército. Ali, recebeu a informação de que a duplicação dos lotes a cargo da força terrestre está quase concluída, e mais de 60% da restauração já foi feita. Os trabalhos somam quase 300 km de intervenção, envolvendo a atuação de mais de 900 militares.

A obra em Pernambuco que mais orgulha o Departamento de Engenharia e Construção (DEC) do Exército, no entanto, é a transposição da bacia do Rio São Francisco, que prevê a construção de dois grandes canais, somando 713km de extensão. Segundo o CMNE, os lotes com serviços mais adiantados são aqueles sob responsabilidade do Exército. Sem espaço na agenda para ver os trabalhos in loco, Amorim garantiu programar uma visita ao local na próxima ida ao Estado.


Fotos: Felipe Barra