25 de Fevereiro, 2012 - 20:00 ( Brasília )

Defesa

MB - Nota 2 – Incêndio na Estação Antártica Comandante Ferraz


MARINHA DO BRASIL
CENTRO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DA MARINHA

 

Brasília, 25 de fevereiro de 2012.
 
Nota à Imprensa  2 – Incêndio na Estação Antártica Comandante Ferraz


A respeito do incêndio ocorrido na Estação Antártica Comadante Ferraz (EACF), a Marinha do Brasil (MB) presta as seguintes informações complementares:

Tendo em vista as condições meteorológicas adversas na região, o Chefe da Estação e os integrantes do Grupo-Base, que permaneceram na EACF combatendo o incêndio, foram transferidos para a Base chilena Eduardo Frei.

Assim que as condições meteorológicas permitirem, a MB, com apoio do navio “Lautaro”, da Armada do Chile,enviará uma equipe do Grupo-Base, liderada pelo Chefe da EACF, para avaliar os danos causados à estrutura da Estação.

Os 30 pesquisadores, o alpinista, o representante do Ministério do Meio Ambiente e os 12 funcionários do Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro, juntamente com o militar ferido, Primeiro-Sargento Luciano Gomes Medeiros, foram transferidos para Punta Arenas, no Chile, onde se encontram militares da MB para recebê-los.

Continuam desaparecidos os dois militares: Suboficial Carlos Alberto Vieira Figueiredo e Primeiro-Sargento Roberto Lopes dos Santos. As famílias do militar ferido e dos desaparecidos já foram comunicadas a respeito do fato e estão recebendo o apoio total da Marinha do Brasil, nesse momento de extrema dor.

Uma aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB) partirá às 16h, do Rio de Janeiro (RJ), para a cidade de Punta Arenas, a fim de trazer de regresso ao Brasil o pessoal que estava na EACF. O Secretário da Comissão Interministerial para os Recursos do Mar, Contra-Almirante Marcos José de Carvalho Ferreira, também estará nessa aeronave da FAB, de modo a coordenar as ações necessárias.