11 de Dezembro, 2019 - 10:05 ( Brasília )

Defesa

FAB sedia reunião conjunta do Alto-Comando das Forças Armadas

Encontro ocorreu na sede do Comando da Aeronáutica

Tenente Jonathan Jayme E Tenente-Coronel Santana

O Comando da Aeronáutica, em Brasília (DF), sediou, nesta terça-feira (10), a 2ª Reunião do Alto-Comando das Forças Armadas. Estiveram presentes o Ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva; o Comandante da Marinha do Brasil, Almirante de Esquadra Ilques Barbosa Junior; o Comandante do Exército Brasileiro, General de Exército Edson Leal Pujol; o Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez; o Chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA), Tenente-Brigadeiro do Ar Raul Botelho; o Secretário-Geral do Ministério da Defesa (MD), Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos; e membros do Almirantado, do Alto-Comando do Exército e do Alto-Comando da Aeronáutica.

No encontro, foram abordados os principais programas e prioridades das Forças Armadas e do MD, além do compartilhamento de informações entre os Oficiais-Generais do Alto-Comando das Forças. A reunião contou com palestras do Ministro da Defesa e dos Comandantes da Marinha, do Exército e da Aeronáutica. O Chefe do EMCFA e o Secretário-Geral do MD também fizeram apresentações a respeito das ações pertinentes aos respectivos Órgãos.

O Ministro da Defesa falou sobre o andamento das atividades no âmbito das três Forças e avaliou as últimas ações. "Fizemos um balanço do que aconteceu em 2019 e já visualizamos perspectivas para 2020. Nesse ano, as Forças Armadas responderam muito bem às demandas. Foi um ano fértil e produtivo”, completou. 

O Comandante da Aeronáutica também ressaltou a relevância do encontro. "Para nós, da Força Aérea, é uma satisfação muito grande poder recebê-los aqui, na última reunião do ano, para tratar dos assuntos de interesse das Forças Armadas e do Ministério da Defesa", falou o Tenente-Brigadeiro Bermudez.

Fotos: Sargento Bianca Viol e Soldado Wilhan Campos / CECOMSAER; Sargento Manfrim / Ministério da Defesa