02 de Maio, 2017 - 12:20 ( Brasília )

Defesa

Ministro Jungmann propõe aproximação entre Brasil e México no setor de defesa


Roberto Cordeiro

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, aproveitou o encerramento da Feira Aeroespacial do México (FAME) para reuniões bilaterais com autoridades mexicanas com vista à aproximação entre Brasil e México no setor de defesa.

Durante a permanência na capital mexicana, Jungmann entregou ao secretário de Relações Exteriores, Luís Videgaray Caso, convite do presidente Michel Temer para visita oficial ao Brasil do presidente mexicano Enrique Peña Nieto.

À tarde, a delegação brasileira participou do I Seminário de Sinergia de Indústria de Defesa realizado na Secretaria de Defesa Nacional (SEDENA). O ministro Jungmann e demais integrantes da comitiva foram recebidos com honras militares. O ministro foi recepcionado pelo secretário general Salvador Cienfuegos Zepeda e pelo secretário da Marinha, almirante Vidal Francisco Soberan Sanz.

Após o desfile militar, as comitivas brasileira e mexicana iniciaram reunião bilateral reservada. Este é o primeiro encontro no México para tratar de questões relacionadas ao setor de defesa. Jungmann disse que “é muito importante este passo que estamos dando no sentido de estabelecer a parceria com o México”. Os acordos entre os dois países passam pela cooperação em educação militar e participação em operações de paz.

“Temos total interesse em atuar em parceria com o governo mexicano”, destacou o ministro brasileiro.

O organograma do governo mexicano, o cargo de secretário é equivalente ao de ministro no Brasil. A SEDENA abriga o Exército, a Força Aérea e as policiais militares e civis. A Marinha mexicana é abrigada numa outra secretaria.

Relações Exteriores

O primeiro compromisso do ministro Jungmann foi na Secretaria de Relações Exteriores do México. Na conversa reservada, Jungmann mostrou as oportunidades comerciais para os dois países. O ponto mais importante do encontro foi a entrega de uma correspondência do presidente Temer ao colega mexicano.

No texto, Temer reforça a importância dos laços de amizade entre os dois países .”A intensificação crescente de nossas relações, nos mais variados domínios, traduz os valores e interesses que compartilhamos. Em particular, assegura concretude a nosso compromisso comum com a democracia, com a integração regional e com um futuro de justiça e prosperidade para nossos países”, diz o texto da correspondência do presidente Temer.

E prosseguiu: “Ao reiterar convite para visita de Vossa Excelência ao Brasil e reafirmar minha continuada disposição de trabalhar pelo estreitamento dos laços fraternais que unem nossos povos, peço que aceite, senhor presidente, os votos de minha mais alta estima e consideração”, concluiu o presidente.

Na reunião com o secretário Luís Caso participaram, do lado brasileiro, o chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA), almirante Ademir Sobrinho; do secretário de Produto de Defesa, Flávio Basílio, e o embaixador do Brasil no México, Ênio Cordeiro. Pelos mexicanos participaram a subsecretária para América Latina e Caribe Socorro Flores Liera; a diretora Geral Adjunta para a América do Sul, Jacqueline Morán e o chefe adjunto de gabinete, conselheiro Héctor Ortega.

Visita ao México

O ministro Raul Jungmann desembarcou na manhã deste sábado na Cidade do México. Ele foi recebido pelo general Prior Valencia, reitor da Universidade do Exército, na Unidade Especial de Transporte de Alto Mando (UETAAM). Depois, a comitiva se deslocou para o hotel onde ocorreu uma reunião prévia para apontar os principais temas da pauta que nortearia os encontros bilaterais.

Segundo relato do secretário Flávio Basílio, os mexicanos estão interessados nos segmentos de satélites de pequeno porte e armamentos, como por exemplo, mísseis. Há interesse em levar um grupo de especialistas mexicanos a visita o Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA), em São Paulo.

Jungmann também visitou a Embaixada do Brasil no México. À noite, a comitiva participou de reunião com o embaixador Ênio Cordeiro. Jungmann retornou ao Brasil neste domingo (30).

 

 


VEJA MAIS