COBERTURA ESPECIAL - Cyberwar - Aviação

03 de Setembro, 2012 - 11:35 ( Brasília )

Defesa Cibernética é tema de estudos no Estado-Maior da Aeronáutica


Com o objetivo de fortalecer a segurança dos sistemas de Tecnologia da Informação no âmbito da Comando da Aeronáutica, o Estado-Maior da Aeronáutica reuniu um grupo de trabalho na semana de 27 a 31 de agosto. A iniciativa visa organizar melhor a FAB para coibir possíveis interferências no ambiente cibernético de órgãos e sistemas sensíveis para a segurança das atividades desenvolvidas na Força Aérea.

 O grupo, composto por representantes de várias organizações da FAB (EMAER, DECEA, COMGAR, COMGEP, DEPENS, CECOMSAER, CIAER, DTI, ITA, CCA-BR), reuniu-se sob coordenação da 3ª Subchefia do EMAER, e tratou das possíveis concepções operacionais a exploração do espaço cibernético e para a defesa dos sistemas utilizados na FAB, notadamente aqueles que são considerados prioritários na manutenção de operações onde a segurança do fluxo das informações é uma necessidade.

Segundo o Coronel-Aviador Ricardo Queiroz Veiga, coordenador do grupo, “o avanço tecnológico contínuo das ameaças cibernéticas e a crescente dependência dos sistemas informatizados para o aumento da eficiência operacional da Força requer atenção e monitoramento das defesas cibernéticas, que devem ser constantemente reformuladas e atualizadas”.



Fonte: CECOMSAER


Outras coberturas especiais


PF-PRF

PF-PRF

Última atualização 19 AGO, 11:00

MAIS LIDAS

Cyberwar