COBERTURA ESPECIAL - Brasil - EUA - Aviação

17 de Agosto, 2018 - 10:35 ( Brasília )

FAB participa do Exercício Multinacional PANAMAX 2018

A coalizão foi liderada pelos Estados Unidos e contou com mais 15 países

Militares do Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE) e do Comando de Preparo (COMPREP) participaram do Exercício Multinacional PANAMAX 2018, no período de 31 de julho a 10 de agosto.

Esta é uma iniciativa dos Estados Unidos da América (EUA), por meio do seu Comando Sul (SOUTHCOMM), para simular um conflito com uma força insurgente de um país fictício, que teria por objetivo impedir o fluxo de navegação marítima pelo canal do Panamá.



A coalizão foi liderada pelos EUA e contou com outros 15 países, entre eles o Brasil. Os militares da comitiva participaram da operação em três locais distintos: em San Antonio, Texas, eles participaram do MNFS (Multi National Forces South), responsável pelo Comando da Operação; em Tucson, Arizona, o COMAE comandou o Componente Aéreo do Exercício (CFACC); na cidade de Suffolk, na Virgínia, dois militares do COMAE trabalharam diretamente na Direção do Exercício.

“Participar de um evento com essa magnitude e complexidade é uma excelente oportunidade de ganho operacional para o COMAE e para a FAB. Durante a PANAMAX, pudemos vivenciar diversas situações que nos ajudaram a compreender as dificuldades encontradas em um conflito real. Além disso, a participação dos nossos militares na Direção do Exercício será aproveitada em breve, durante a COMAEX, treinamento simulado de guerra aérea que será realizado no COMAE, no mês de setembro”, comentou o Chefe do Centro Conjunto de Operações Aéreas do COMAE, Brigadeiro do Ar João Campos Ferreira Filho, Comandante da Força Aérea Componente (CFACC) durante a PANAMAX.



Fotos: Major Aviador Duque


VEJA MAIS