COBERTURA ESPECIAL - Base Industrial Defesa - Tecnologia

04 de Dezembro, 2019 - 12:00 ( Brasília )

SIMDE-COMDEFESA: Uma jornada pela tecnologia e inovação



O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes, esteve na segunda-feira, dia 02DEZ2019, em uma reunião plenária conjunta do Sindicato Nacional das Indústrias de Materiais de Defesa e Segurança (SIMDE) e do Departamento de Defesa e Segurança (COMDEFESA) da FIESP.

Na sua saudação ao ministro, o diretor-presidente do SIMDE e diretor titular do Comdefesa, Carlos Erane Aguiar, afirmou que “Ciência, tecnologia, inovação e comunicações constituem o cerne da discussão dos meios da defesa e da segurança, pelos quais ativamos a tríplice hélice e retornamos ao país desenvolvimento, conhecimento, soberania e bem-estar’.

‘Por muito tempo”, continuou Erane, “focamos a discussão da defesa e segurança em dissuasão, projeção de poder, aquisições e orçamento. Mas o presente começou ontem e o futuro já chegou. E eles passam necessariamente por ciência, tecnologia e inovação”.



O ministro Marcos Pontes fez uma exposição sobre a pasta que comanda, as transformações conquistadas, desafios e as sinergias com a área de Defesa, com a qual se mostrou bastante alinhado em suas aspirações e perspectivas.
Ele discorreu sobre a importância do Acordo de Salvaguardas Tecnológica assinado com o Estados Unidos e mostrou-se bastante motivado a estudar a aplicação de Fundos relacionados à sua pasta para financiar o Programa Espacial Brasileiro, uma vez que esse projeto guarda relação com constelação de satélites que são a base para o bom funcionamento das Comunicações.

Após a explanação do ministro, foi a vez do 2° vice-presidente do SIMDE, Carlos Alberto Macedo Cidade, fazer uma apresentação, na qual destacou que apenas 4% do orçamento da FINEP (órgão de fomento do MCTIC), foram destinados a pesquisa e inovação na área de Defesa, setor fundamental para o desenvolvimento tecnológico de qualquer país que queira protagonismo no cenário Internacional.

Houve uma intensa participação do plenário, com questões que foram  desde a tecnologia 5G, passando pela necessidade fomento a fundo perdido de tecnologias disruptivas em Defesa, até o funcionamento e expectativas em relação ao uso da Base de Lançamento de Alcântara, no Estado do Maranhão.

Durante a Plenária, o Presidente da FIESP, Paulo Skaf entregou a Ordem de Mérito Industrial ao Ministro Marcos Pontes.


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Mão Amiga

Mão Amiga

Última atualização 12 DEZ, 12:15

MAIS LIDAS

Base Industrial Defesa