COBERTURA ESPECIAL - Base Industrial Defesa - Defesa

07 de Novembro, 2016 - 11:05 ( Brasília )

A 4ª Mostra BID Brasil foi um sucesso

Mais de 4.000 participantes, com o apoio do Ministério da Defesa e das Forças Armadas do Brasil, mostraram seus produtos na área da defesa.

English version

Nastasia Barceló

A 4ª Mostra da Base Industrial de Defesa (BID) do Brasil, ou 4ª Mostra BID Brasil, uma exibição de novos produtos na área da defesa, aconteceu entre os dias 27 e 29 de setembro no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília, com a participação de mais de 4.000 pessoas, incluindo membros das Forças Armadas e da Polícia do Brasil, empresários e representantes da sociedade civil. Houve diversas palestras, entre as quais se destacaram as referentes ao papel das Forças Armadas na sociedade.

As Forças Armadas do Brasil estiveram encarregadas de ministrar diferentes palestras para os empresários e universitários presentes, uma denominada “Diretoria de Fiscalização de Produtos Controlados do Exército Brasileiro” e outra sobre as próprias Forças Armadas.

Os universitários brasileiros também puderam conhecer melhor o setor da defesa. Flávio Basílio, secretário da Secretaria de Produtos de Defesa (SEPROD) do Brasil, ministrou a palestra denominada “A importância estratégica da indústria da defesa”, com o General Cláudio Moraes e o Brigadeiro José Augusto Crepaldi, diretores da SEPROD.

Além disso, as relações entre as forças armadas do Brasil e do Chile se fortaleceram. Raul Jungmann, ministro da Defesa do Brasil, reuniu-se com o General Arturo Merino Nunes, chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas do Chile para discutir sobre acordos bilaterais na área da defesa. Nesta reunião, o Gen Merino teve a oportunidade de conhecer os mais diversos produtos da indústria brasileira.

Relevância da Mostra BID Brasil para a indústria de defesa e segurança

“Tivemos 92 empresas na 4ª Mostra BID Brasil. O número superou nossas expectativas, com um crescimento de mais de 15 por cento em relação à edição passada”, disse Carlos Frederico Queiroz de Aguiar, presidente da Associação Brasileira das Indústrias de Materiais de Defesa e Segurança (ABIMDE). “Estamos muito animados com o sucesso que teve o evento e com a receptividade tanto do empresariado brasileiro quanto dos adidos militares e representantes de governos estrangeiros que compareceram”, destacou.
 

O empresário também falou sobre os benefícios em relação ao crescimento dos investimentos nas indústrias de materiais de defesa e segurança. “Desde a primeira edição da Mostra BID Brasil, a indústria nacional tem obtido importantes contratos com outros países, projetando-se internacionalmente ao apresentar a qualidade do produto desenvolvido localmente. Além disso, é uma excelente oportunidade para as empresas brasileiras mostrarem seus produtos a compradores não tradicionais”, assinalou.

A Mostra BID Brasil tem uma grande relevância na atualidade, segundo Queiroz de Aguiar : “Em sua quarta edição, a Mostra BID Brasil já se consolidou como um dos eventos da indústria de defesa e segurança mais importantes do Brasil. Estamos reunindo um número expressivo de empresas que atuam em todas as áreas da cadeia produtiva do setor. Pelo seu caráter diferenciado, que fala diretamente com os tomadores de decisões internacionais, a Mostra BID Brasil contribui para consolidar a indústria brasileira no mercado externo”, declarou.

Na mostra houve a oportunidade de presenciar palestras que foram ministradas por representantes das Forças Armadas do Brasil, membros da comunidade acadêmica e formadores de opinião. “Nosso evento tem esse caráter de aproximar a academia da indústria, com o objetivo de buscar sinergia no desenvolvimento de novas soluções e tecnologias; por isso vamos contar com a presença de agências de desenvolvimento e centros de pesquisa, além de termos convidado os representantes das universidades. Queremos, cada vez mais, integrar todos os agentes transformadores da economia do país em busca do desenvolvimento sustentável do setor”, agregou Queiroz de Aguiar.

O Vice Almirante Carlos Afonso Pierantoni Gambôa, vice-presidente executivo da ABIMDE, assinalou que “a mostra vem consolidar um evento que há seis anos tem o propósito de mostrar aos países amigos, aos parlamentares, às forças armadas, à academia e à imprensa especializada, a pujança da nossa base industrial de defesa”.

Palco de exposições de novos produtos na área da defesa

De acordo com Karen Gobbatto, Consultora de Comunicação da empresa Rossi Comunicação do Ministério da Defesa, “a mostra foi instalada em um pavilhão com uma área de 4.746 m² para receber os estandes, salas de reunião e auditório. Também contou com uma parte externa para a exposição de viaturas e equipamentos, bem como um espaço para a demonstração de produtos, onde podem ser observados vôos de aeronaves não tripuladas e movimentação de veículos”.

Durante a mostra, foi possível conferir, por exemplo, a exposição de viaturas, blindados e de um demonstrador de vôos. Foram realizadas demonstrações práticas dos equipamentos não letais em uma área em formato de “estande de tiro”. Também foi apresentado um simulador de tiros.



Outras coberturas especiais


Guerra Informação e Híbrida

Guerra Informação e Híbrida

Última atualização 19 SET, 11:55

MAIS LIDAS

Base Industrial Defesa