21 de Junho, 2012 - 08:15 ( Brasília )

Aviação

Rio+20 - O Balê Aéreo

Quase três mil pessoas desembarcaram para Conferência da ONU. Acompanhe este ensaio fotográfico da Agência Força Aérea / Sgt Johnson a chegada das Delegações

Autoridades de todos os continentes e chefes de vários países desembarcaram na Base Aérea do Galeão (BAGL) para participar da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio + 20). Nos últimos dias, 69 voos oficiais chegaram à BAGL. Neles, vieram representantes de 56 países em 46 aeronaves. Já no Aeroporto Internacional Tom Jobim, chegaram 142 voos comerciais. Somando o Galeão e a Base Aérea, 193 delegações oficiais desembarcaram no Rio de Janeiro, com 2.794 integrantes das comitivas.
 
Para o dia 20, somente, havia a previsão é que 20 chefes de estado passassem pela BAGL. Entre os presidentes que já chegaram estão a da Argentina, Benin, Chile, Coréia do Sul, Cuba, França, Peru e Senegal. Também desembarcaram os primeiros-ministros da África do Sul, Austrália, China, Espanha, Etiópia, Índia, Indonésia, Suriname e Turquia. Ainda para esta quarta, está programada a chegada dos presidentes da Colômbia e dos primeiros-ministros da Costa do Marfim e da Rússia.
 
O dia de maior movimento de chegadas foi a terça-feira (19/06), quando chegaram 99 comitivas de participantes da Conferência. Na Base Aérea, as delegações desembarcam em três pontos diferentes da unidade. Em cada um deles, estão representantes da Força Aérea Brasileira (FAB), Polícia Federal, Infraero, Receita Federal, Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e do Sistema de Vigilância Agropecuária Internacional (Vigiagro).

São mais de 100 profissionais de órgãos civis trabalhando com mais de 3.200 militares somente na Base Aérea. As ações em conjunto possibilitam que o tempo de desembarque de cada comitiva não ultrapasse 20 minutos. As equipes compostas por militares e integrantes de órgãos civis estão atuando 24 horas por dia. No total, mais de 6.500 militares da FAB estão envolvidos na Rio + 20.