17 de Abril, 2012 - 09:40 ( Brasília )

Aviação

FAEX XII - No sul do país, exercício da FAB utiliza radar que será empregado na conferência RIO+20


Um radar móvel tridimensional de longo alcance TPS-B 34 está sendo empregado no Exercício Operacional FAEX XII, que acontece em Santa Catarina até 20 de abril. Depois de ser testado no exercício coordenado pela Segunda Força Aérea (II FAE), o radar será deslocado para o Rio de Janeiro, onde será mais um elemento a integrar o sistema de defesa aérea do Brasil durante a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a RIO + 20, no mês de junho.

É a primeira vez que a Força Aérea Brasileira (FAB) utiliza esse equipamento em uma operação do gênero no sul do país. O uso do TPS-B34 permite um ganho operacional relevante no exercício que acontece a partir da Base Aérea de Florianópolis (BAFL). Utilizado no treinamento como o radar do inimigo, o equipamento é capaz de fazer alerta antecipado contra aeronaves hostis se aproximando, o que dificulta o planejamento e a execução das missões aéreas desenvolvidas no cenário do exercício.

O radar foi transportado por aeronaves C-130 Hércules de Sinop, no Mato Grosso, até Laguna, no litoral sul de Santa Catarina.
“O TPS B-34 é um equipamento peculiar porque a sua estrutura modular pode ser montada em qualquer área do Brasil e operada a partir de um Centro de Comando e Controle”, explica o comandante do Primeiro Grupo de Comunicações e Controle (1ºGCC), Tenente-Coronel-Aviador Carlos Henrique Afonso Silva.


Fonte: Agência Força Aérea