12 de Abril, 2011 - 06:19 ( Brasília )

Aviação

EMBRAER Anuncia venda de dez EMB 190 para a HEBEI AIRLINES,da CHINA, com Opção para mais Cinco

Novos jatos serão usados para acelerar o desenvolvimento econômico e apoiar o crescimento do transporte aéreo na província de Hebei

São José dos Campos, 12 de abril de 2011 – A Embraer e a Hebei Airlines Co., Ltd., da China,assinaram hoje um contrato para a aquisição de dez EMBRAER 190 em Beijing, na China. A primeira entrega destes dez jatos está programada para setembro de 2012.

Para atender à crescente demanda do transporte aéreo, conseqüência do acelerado
desenvolvimento econômico da região nos últimos anos, o governo da província de Hebei está priorizando a expansão da aviação. Em junho de 2010, com forte apoio do governo da provincial, a Hebei Airlines foi criada como uma holding do Hebei Aviation Investment Group, um companhia estatal líder. Atualmente, a Hebei Airlines opera seis aeronaves,incluindo dois Embraer ERJ 145. O EMBRAER 190 ajudará a empresa aérea a apoiar sua expansão de curto prazo.

“Estamos satisfeitos em dar as boas-vindas à Hebei Airlines como nosso mais novo operador de E-Jets. A atual frota chinesa de aeronaves Embraer atingirá em breve 100 unidades e este negócio reforça a confiança e o reconhecimento dos operadores chineses em nossosprodutos”, disse Paulo César de Souza e Silva, Vice-Presidente Executivo da Embraer para o Mercado de Aviação Comercial. “O EMBRAER 190 é um sucesso mundial, com economia, desempenho e conforto excepcionais. Acreditamos que nossas aeronaves terão uma participação chave no desenvolvimento de mercado da Hebei Airlines.”

“Graças ao acertado direcionamento e forte apoio do governo e do comitê da província de Hebei, a Hebei Airlines introduziu dez EMBRAER 190 para expandir sua frota de aeronaves regionais e pretende confirmar os outros cinco aviões no futuro. Este negócio nos permite dar um grande passo para o desenvolvimento futuro, que acreditamos será de suma importância para o desenvolvimento econômico, político e cultural da província de Hebei”, disse Wang Sheping, Presidente do Conselho de Administração da Hebei Airlines. “Assumiremos esta cooperação com a Embraer como o ponto de partida para reforçar ainda mais a parceria para o desenvolvimento mútuo em todos os níveis e em todos os aspectos.”

O EMBRAER 190 é o terceiro de quatro aviões da bem-sucedida família de E-Jets da Embraer, que tem cerca de mil ordens firmes e mais de 700 aeronaves em operação em todo o mundo. O EMBRAER 190 aumenta a flexibilidade das operações e tem alcance de 4.225 km (2.300 milhas náuticas), fornecendo serviços de baixo custo para mercados de baixa e média densidade em rotas ponto a ponto; possibilitando a utilização em conjunto com  aeronaves maiores de companhias aéreas que operam em rotas principais, conforme variação sazonal ou periódica de demanda para ajuste da oferta; ou sendo usados para desenvolver novas rotas, abrindo novos mercados, etc. Conforto é uma das principais características do EMBRAER 190. A seção da fuselagem em formato de dupla bolha maximiza o espaço da cabine para o passageiro, oferecendo o corredor e os assentos mais largos da categoria. A ausência de assentos de meio e um avançado sistema opcional de entretenimento a bordo também contribuem para o conforto do passageiro.

Com esta nova encomenda, a Embraer tem agora 135 aeronaves no mercado chinês, incluindo 75 EMBRAER 190, 46 ERJ 145 e quatro jatos executivos. Mais de 80 aviões da Embraer estão em operação neste mercado.

Sobre a Hebei Airlines Co., Ltd.

Aprovada pelo CAAC, a Hebei Airlines Co., Ltd. (Hebei Airlines), é uma empresa aérea modernizada controlada pelo Hebei Aviation Investment Group, com a participação da Sichuan Airlines Group e da Shenyang Zhongrui Company. Com base no Aeroporto Internacional Shijiazhuang Zhengding, a Hebei Airlines tem como foco principal o transporte aéreo de passageiros, carga e correio, e também atua no ramo de aviação geral e outros serviços relacionados com o transporte aéreo.

A Hebei Airlines segue a estratégia nacional de tornar-se uma nação com uma forte indústria de aviação civil e dedica-se ativamente ao desenvolvimento da aviação regional para a aviação civil. A empresa segue rigorosamente a estratégia “iniciar a aviação regional, integrar rotas regionais com as principais, ter suporte do governo e complementada pelas operações em solo”, e tem o compromisso de ser “segura e eficiente, com foco na credibilidade, orientada ao cliente e buscando a excelência”. No início, o foco da empresa era em vôos regionais na província de Hebei e cidades vizinhas com duração de 1 a 2 horas, para o qual a companhia estabeleceu quatro malhas aéreas: intra-provincial, rede regional, sub-centro de operações de Beijing e “Bohai-rim express”. Juntamente com o crescimento do negócio, a empresa buscará se tornar uma companhia aérea integrada especializada em rotas principais e regionais, servindo a cidades grandes e do interior por meio do aumento do número de vôos, da oferta de rotas internacionais e do aprimoramento da sua rede. A frota deverá atingir 20 aviões até o final do “12º Plano Qüinqüenal”, transportando mais de 3 milhões de passageiros por ano.

A Hebei Airlines iniciou operações em 29 de junho de 2010. Hoje opera uma frota de seis aeronaves, incluindo dois ERJ 145, operados via acordo de “wet lease” com a Xiamen Airlines. A rede da empresa conecta a algumas cidades médias e grandes, incluindo Shanghai (Hongqiao), Guangzhou, Chengdu, Hangzhou, Nanchang, Haikou, Huhhot, Sanya, Zhuhai, Wenzhou, Ningbo, Dalian, Qinghuangdao, Tangshan e Handan, etc.