04 de Abril, 2011 - 19:00 ( Brasília )

Aviação

CHILE – Armada recebe o 1º Airbus Military C295 ASW

Primeiro avião projetado e certificado na Europa com capacidade ASW desde a década de 60

A Armada Chilena  recebeu o primeiro  Airbus Military C295 na configuração  anti-submarine warfare (ASW). A cerimônia ocorreu no dia 1º de Abril, após o avião ter sido certificado pela INTA, o escritório espanhol responsável pela certificação aeronáutica e capacidade militar.
 
Baseado na configuração do Maritime Patrol (MPA), o  C295 ASW  é a primeira aeronave  ASW  projetada e certificada na  Europa, desde o lendário Bréguet Atlantic dos anos 60. É um produto modrno e sem risco para substituir  os veteranos e envelhecidos  LM P-3 Orion ou  Bréguet Atlantic.
 
O novo modelo é a última versão da exitosa Família C295 de aviões multimissão. Lançado em  1996, tem sido testado em muitas missões  tanto militares como civis em benefício da sociedade. Transporte logístico, evacuação médica  ou vigilância são somente algumas das missões já cumpridas por este avião na versão  MPA .
 

O avião é equipado  com pontos duros sobre as asas  que tanto podem levar armamentos como botes. Também inclui  uma ampla gama de sensores incluindo um radar de busca, aviônica digital  que é compatível com os visores noturnos (night-vision goggles - NVG), sistema de identificação automático, sistemas acústicos e detectores de anomalias magnéticas.

 
Os dados de todos estes sensores são processados pelo Fully Integrated Tactical System (FITS). A  Airbus Military desenvolveu este sistema de missão,  que apresenta os dados de uma forma intuitiva aos quatro operadores táticos em seus consoles operacionais e também aos pilotos.
 
O C295 ASW é parte de uma encomenda de três aviões  pela Armada Chilena, em  outubro de  2007. O primeiro, na configuração  C295 MPA, foi entregue em dezembro de 2009. Os outros dois na configuração  ASW sendo que o Segundo está sendo entregue nos próximos meses.
 
A Armada do Chile, Exército e Força Aérea já encomendaram : um C295 MPA, três CN235 e 13 C212s –significando que operam coletivamente todos os modelos  da Airbus Military nas faixas leve e média capacidade.
 
Até esta data a  Airbus Military já vendeu  356 aeronaves CN235 e C295 a 55 diferentes operadores.

Fonte - Airbus Military