03 de Novembro, 2011 - 10:13 ( Brasília )

Aviação

Nova geração de aviões não tripulados poderá ficar no ar por até 4 dias

Além disso, modelos poderão levar aviões de combate a até 65 mil pés de altitude.

O avião não tripulado mais eficiente já construído poderá ficar até quatro dias no ar e carregar aviões de combate a 65 mil pés de altitude. Esse é o cartão de visitas do The Phantom Eye, veículo produzido pela Boeing.

Movida a hidrogênio, a aeronave é desenhada para missões de vigilância e reconhecimento e tem com maior diferencial o fato de poder permanecer em altitudes elevadas. 

A Boeing está desenvolvendo outro avião, também não tripulado e ainda sem nome, que poderá permanecer no ar por até 10 dias. O avanço da tecnologia das aeronaves do gênero indica ainda outro caminho para a indústria: a construção de aviões de combate não tripulados.

Ataque de avião teleguiado americano no Paquistão

Pelo menos três rebeldes morreram nesta quinta-feira (03/11/2011) em um bombardeio de um avião sem tripulação dos Estados Unidos em zonas tribais do nordeste do Paquistão.

O avião sem piloto disparou mísseis contra um conjunto de casas em Darpakhel Sarai, um reduto da rede afegã talibã Haqqani, perto de Miranshah, a principal cidade do distrito tribal do Waziristão do Norte, na fronteira com o Afeganistão.

"Pelo menos três rebeldes morreram", afirmou uma fonte dos serviços locais de segurança, em um balanço que foi confirmado por representantes dos serviços de inteligência.

De acordo com várias testemunhas, outro avião sem tripulação dos Estados Unidos havia disparado dois mísseis mais cedo contra o mesmo alvo, mas sem atingir o alvo.

A rede Haqqani é considerada pelos Estados Unidos o inimigo mais perigoso para as tropas da Otan no Afeganistão. (AFP)