20 de Março, 2011 - 20:00 ( Brasília )

Aviação

Primeiro Voo do Boeing B747-8


O novo avião de grande porte da empresa americana Boeing, o B747-8 Intercontinental, realizou o primeiro vôo neste domingo (20 Mar 20110, na cidade de Seattle,  estado de Washington, Estados Unidos.

O avião  uma nova versão do famoso jumbo B747, é mais pequeno que o Airbus A380, seu grande rival europeu, mas aponta também para o mercado de vôos de longa distância, mas com  400 passageiros em lugar de 500 ou mais do Airbus.

O maior avião do mundo (76,4 metros) levantou vôo às 16h58 GMT, com um céu quase sem nuvens, do aeródromo Paine Field de Everett, durante una cerimônia com a presença de milhares de funcionários e convidados e com quase dois anos de atraso sobre o cronograma inicial. O pouso estava previsto para as  21h30 GMT, no aeroporto Boeing Field de Seattle.

O maior avião de  passageiros da Boeing é um dos principais programas civis nos quais trabalha a empresa americana, junto com o menor B787, chamado Dreamliner, e que após três anos de atraso, a primeira unidade deve ser entregue neste verão (boreal), para  companhia japonesa  ANA.

A Boeing assegura que o B747-8, que pode levar 467 passageiros, é mais leve portanto mais econômico que o Airbus A380, com 555 assentos, e que não considera ser um concorrente direto mas um avião complementar.

Mas a Airbus o considera um verdadeiro rival. Seu diretor comercial John Leahy qualificou de “muito decepcionante” o anúncio  anuncio no início do mês que a Air China preferia o B747-8 ao A380.

O primeiro exemplar do B747-8 Intercontinental será entregue a um cliente não identificado,no último trimestre de 2011.

A alemã Lufthansa, que encomendou 20 unidades, será a primeira companhia a receber o avião em  princípios de 2012 com um atraso de 2 anos.

No total foram encomendados 114 aviões B747-8, mas destes somente  38 unidades estão destinadas ao transporte de passageiros (Intercontinental).

Exibido ao público pela primeira vez em fevereiro, o novo Boeing multiplica as esperanças no mercado asiático no qual a companhia tem grandes esperanças: o número 8 é o  símbolo da prosperidade e fortuna, assim como a cor vermelho-alaranjado que foi usado neste vôo de prova. Usualmente a Boeing tem usado tons de azul e branco