31 de Março, 2017 - 17:45 ( Brasília )

Aviação

Boeing 787-10 Dreamliner completa primeiro voo

Avião avança para uma série de testes de voo antes da primeira entrega em 2018

O Boeing 787-10 Dreamliner ganhou os céus pela primeira vez hoje, na fábrica da Boeing na Carolina do Norte. O avião, que é o mais novo e mais longo modelo da família 787, completou seu voo inaugural com sucesso em um total de 4 horas e 58 minutos. 

"O primeiro voo do 787-10 nos deixa um passo mais próximos de dar aos nossos clientes o avião mais eficiente de sua classe", disse o presidente e CEO da Boeing Aviação Comercial, Kevin McAllister. "O avião dará às companhias aéreas mais flexibilidade para ampliar suas rotas e aproveitará o enorme sucesso da família 787 Dreamliner".

Pilotado pelos comandantes de teste e avaliação da Boeing, Tim Berg e Mike Bryan, o jato realizou testes de sistemas, de controles de voo e de operabilidade. O 787-10 passará agora por uma série de testes de voo antes do início das primeiras entregas aos clientes, no primeiro semestre de 2018.
 
"Da decolagem à aterrissagem, a aeronave teve um desempenho positivo e exatamente de acordo com as nossas expectativas", disse Berg, piloto-chefe do 787. "O 787-10 é uma máquina fantástica e que certamente agradará aos nossos clientes e passageiros".
 
Até o momento, o 787-10 registra um total de 149 encomendas de nove clientes em todo o mundo, incluindo os clientes de lançamento Singapore Airlines, Air Lease Corporation (ALC), All Nippon Airways (ANA), British Airways, Etihad Airways, EVA Air, GE Capital Aviation Services (GECAS), KLM Royal Dutch Airlines e United Airlines.
 
Com uma eficiência sem precedentes, o 787-10 aumentará as rotas sem escalas abertas pelos 787-8 e 787-9. Como uma extensão de 5,5 metros (18 pés) em relação ao 787-9, o 787-10 proporcionará à família 787 uma melhor experiência e maior alcance, atrelando a tudo isso emissões e consumo de combustível por assento 25% melhor em relação aos aviões que irá substituir e 10% melhor que os modelos atuais da concorrência.
 
A família 787 Dreamliner é parte fundamental da estratégia de aviões de dois corredores da Boeing, que oferece uma família de aviões moderna, otimizada e eficiente em todos os segmentos de mercado. Desde que entrou em serviço em 2011, a família 787 já transportou mais de 152 milhões de pessoas, em mais de 530 rotas ao redor do mundo, economizando cerca de 6 bilhões de quilos de combustível (14 bilhões de libras).