24 de Agosto, 2011 - 10:30 ( Brasília )

Aviação

Divisão Eletrônica da BAE SYSTEMS na Escócia Recebe Encomenda de 20 Milhões de Libras para o TYPHOON


Hillend, Reino Unido – A BAE Systems Manufacturing, em Hillend, na Escócia, fechou um importante contrato, em um valor superior a 20 milhões de libras esterlinas, prevendo a prestação de serviços de compras e de fabricação de componentes eletrônicos para a SELEX Galileo, como parte de seu contrato para fornecer o radar Captor do jato Typhoon Tranche 3a, seu principal sensor. Trata-se de um dos sistemas embarcados de radar mais tecnicamente avançados do mundo. O trabalho para o programa deverá começar nas instalações da BAE Systems, em Hillend, ainda neste ano, prolongando-se até 2013. 
 
“Este último contrato reflete a sólida relação de negócios que há entre a SELEX Galileo e a BAE Systems Manufacturing Hillend. A relação próxima entre as duas empresas viabilizará respostas eficazes para os programas já existentes e para os futuros”, afirma Danny O’Brien, Gerente Geral.
 
A Manufacturing Hillend já recebeu encomendas da SELEX Galileo, sua cliente, tanto para o conjunto do radar Captor como para o subsistema DASS (Defensive Aids Sub System), utilizados na aeronave de combate Typhoon, totalizando mais de 165 milhões de libras esterlinas nos últimos 12 anos.
 
Para a Hillend, o radar Captor representa um importante programa de subcontratação de trabalho, compreendendo vários tipos de complexos módulos eletrônicos e de circuitos impressos que formam um dos elementos mais essenciais do sistema do radar.
 
“O resultado final do fechamento destes contratos foi consequência de vários meses de muito esforço empreendido pelas duas empresas. Enfrentamos juntos os desafios de nossa cadeia de clientes, antecipando os fundos necessários, em um clima econômico difícil. O trabalho em equipe entre nossas duas empresas fez uma grande diferença e nos deu uma base firme para o sucesso destes importantes programas”, diz o VP de compras da SELEX Galileo, Andy Brown.
 
A BAE Systems Manufacturing, em Hillend, Escócia, integra a BAE Systems Mission Systems e emprega cerca de 200 pessoas. Conta com avançadas instalações de fabricação, responsáveis pela produção de complexos conjuntos eletrônicos para o Reino Unido e exporta para outros mercados de defesa.  Norteando-se pelos mais altos padrões de qualidade, incluindo o AS 9100, a empresa fornece conjuntos e circuitos eletrônicos a importantes programas de defesa, como os da aeronave Typhoon, dos torpedos Sting Ray e Spearfish, do porta-avião da Classe Queen Elizabeth, assim como do Destróier do Tipo 45.  Fabrica, ainda, produtos criptográficos para a Real Marinha Britânica e para marinhas de outros países, além de ser a mais importante fornecedora de conjuntos eletrônicos do mais moderno sistema de radar da Real Marinha Britânica, o Artisan. Produziu quatro simuladores de treinamento de tripulações para o novo veículo TERRIER do Exército Britânico e dá suporte a vários outros programas de importância, como o sistema de treinamento do submarino Astute da Real Marinha Britânica e o simulador de treinamento tático em armas combinadas do Exército do Reino Unido. 
 
A SELEX Galileo, uma empresa da Finmeccanica, é uma das principais protagonistas na área de produtos eletrônicos de defesa. A empresa emprega mais de sete mil pessoas e opera, sobretudo, em três mercados: Reino Unido, Itália e EUA, por meio de firmas dedicadas. Com um poderio no setor de sistemas embarcados de missão crítica e uma ampla gama de capacidades para aplicações em campos de batalha e segurança nacional, a SELEX Galileo sempre oferece as melhores soluções a seus clientes. Mais detalhes podem ser obtidos no website: http://www.selexgalileo.com