22 de Abril, 2016 - 09:10 ( Brasília )

Aviação

EDA - Pilotos da Fumaça realizam o curso de Piloto Operacional de Demonstração Aérea


Ten João Elias


Dois pilotos da Esquadrilha da Fumaça realizam treinamentos referentes ao curso de Piloto Operacional de Demonstração Aérea (PODA): o Capitão Cléryson Wander Teixeira, piloto Ala Direita, número dois, e o Tenente Lucas Pacheco Yoshida, Ala Esquerda, número três. Atualmente, eles finalizam o "Módulo Básico", que consiste em 25 missões.

“O curso é dimensionado para qualquer piloto, independentemente de sua aviação. No primeiro módulo, nós aprendemos algumas coisas como o voo em dorso (de cabeça pra baixo) e leva certo tempo para que o nosso cérebro possa se acostumar com a necessidade de usar os comandos de voo de maneira invertida nessa situação", ressaltou o Capitão Wander.

As atividades iniciaram em fevereiro. A próxima etapa será o “Módulo Avançado”, quando os pilotos passam a realizar exercícios específicos de suas posições de voo. Esse módulo é dividido em três partes, sendo a primeira realizada com dois aviões, seguida de quatro e, depois, de seis e sete.

No total, serão 80 missões. Satisfeito com o andamento do curso, o Capitão Wander falou sobre o que espera das próximas etapas. “Minha expectativa é muito boa, pois percebo que, a cada dia, o controle da aeronave melhora, fazendo com que possamos avançar de acordo com as necessidades de cada missão”, ressaltou.

Fumaça - O Esquadrão de Demonstração Aérea (EDA), mais conhecido como Esquadrilha da Fumaça, é constituído por sete aeronaves. Cada piloto recebe uma numeração de acordo com a posição que ocupa na formação. Durante a demonstração, o EDA pode realizar mais de 50 manobras.