23 de Fevereiro, 2016 - 11:00 ( Brasília )

Aviação

Major-Brigadeiro Jordão assume Comando de Defesa Aeroespacial Brasileiro

Entre os desafios do novo cargo, o oficial-general vai ajudar a coordenar a defesa aérea durante os jogos olímpicos

O Major-Brigadeiro do Ar Mário Luís da Silva Jordão assumiu, nesta segunda-feira (22/02), o cargo de Comandante do Comando de Defesa Aeroespacial Brasileiro (COMDABRA). O oficial-general substitui o Major-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Egito do Amaral, que ficou à frente da pasta por um ano e dez meses e agora assume o Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA). A solenidade, presidida pelo Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato, contou com a presença de diversas autoridades.

O COMDABRA é um órgão ligado ao Comando-Geral de Operações Aéreas (COMGAR) com a atribuição de ser o principal suporte de defesa da pátria. Além da Defesa Aérea e Antiaérea, a unidade planeja e controla as ações relacionadas ao Poder Aeroespacial.

Em discurso, o Major-Brigadeiro Egito destacou as inúmeras missões enfrentadas à frente do COMDABRA, entre elas, a realização da Copa do Mundo e as operações Ágata e Anhanduí, entre  outras. “Nessa fase de reestruturação, fizemos um planejamento operacional e diversas transformações organizacionais. Tornamos a estrutura de comando e controle eficaz para a realização desses eventos”, declarou.

Novo Comandante - O Major-Brigadeiro Jordão é piloto de caça e possui mais de 4.100 horas de voo. Ele deixou a vice-chefia do Estado Maior da Aeronáutica (EMAER) para assumir o COMDABRA. Entre as responsabilidades, o oficial-general vai coordenar as ações de policiamento do espaço aéreo durante a realização das Olimpíadas no Brasil. “A experiência adquirida com a Copa do Mundo e a Jornada Mundial da Juventude deixaram um legado muito importante”, acrescenta.