03 de Fevereiro, 2014 - 15:47 ( Brasília )

Aviação

FAB celebra dia da aviação dos helicópteros


A Força Aérea Brasileira (FAB) celebra nesta segunda-feira (03/02) o dia da Aviação de Asas Rotativas. Ao todo, sete Esquadrões da FAB operam os helicópteros que são responsáveis por atuar em missões humanitárias, atividades ligadas à integração nacional, operações especiais, resgates a embarcações e aeronaves acidentadas e defesa de áreas estratégicas do país.

Em entrevista a rádio Força Aérea FM, o Brigadeiro do Ar Carlos José Rodrigues de Alencastro, Comandante da Segunda Força Aérea (II FAE), falou sobre a atuação dos helicópteros nas missões humanitárias, reaparelhamento de aeronaves, emprego de novos equipamentos e a participação das asas rotativas da FAB na Copa do Mundo

História

A escolha da data da Aviação de Asas Rotativas é uma homenagem aos militares da Força Aérea Brasileira que no dia 3 de fevereiro de 1964, voando helicópteros H-19 da Organização das Nações Unidas (ONU) no Congo, realizaram uma missão real de resgate em combate, sob ameaça de uma força hostil. Foi a primeira do tipo na história da FAB.

Saiba quais os Esquadrões da FAB operam os helicópteros:
Esquadrão Falcão (1º/8º GAV)
Esquadrão Poti (2º/8º GAV)
Esquadrão Puma (3º/8º GAV)
Esquadrão Pantera (5º/8º GAV)
Esquadrão Harpia (7º/8º GAV)
Esquadrão Pelicano (2º/10º GAV)
Esquadrão Gavião (1º/11º GAV)