05 de Dezembro, 2013 - 18:43 ( Brasília )

Aviação

Treinamentos do Esquadrão de Demonstração Aérea avançam em Anápolis


Os treinamentos fora de sede do Esquadrão de Demonstração Aérea (EDA), mais conhecido como Esquadrilha da Fumaça, começaram no último dia 02 de dezembro e seguem até o próximo sábado (07/12), na Base Aérea de Anápolis (BAAN), em Goiás. O objetivo do treinamento é contribuir para o processo de implantação da aeronave A-29 Super Tucano na unidade em situações adversas àquelas encontradas na cidade base do Esquadrão, Pirassununga.
 
Todos os aviadores das sete posições participam do treino. Neste primeiro momento, são treinadas as manobras e acrobacias que compreendem a primeira metade da demonstração da Esquadrilha da Fumaça. Desde segunda-feira, já foram realizados 12 voos em elemento, manobra executada por duas aeronaves em formação, uma liderando e outra na ala; além de seis voos realizados pelos pilotos que voam na posição de número 7, o solo.
 
Durante a atividade, o comportamento das aeronaves é avaliado, pela primeira vez, em condições ambientais distintas das da sede. São observados fatores influentes durante o voo, como pressão, altitude e temperatura.
 
As cinco aeronaves A-29 da Esquadrilha pousaram na BAAN na tarde do dia 29 de novembro, seguidas de um C-105 Amazonas da Base Aérea de Campo Grande (BACG), que realizou o transporte da equipe de manutenção e apoio, além do material de suprimento. Ao todo, vinte e três militares da Esquadrilha participam da missão, sendo onze pilotos, um oficial especialista em aeronaves, uma oficial de comunicação social, um médico e nove mecânicos. Acompanha, ainda, um representante técnico da Empresa Brasileira de Aeronáutica (Embraer), fabricante do avião A-29.
 
Vale lembrar que as demonstrações estão suspensas desde abril, por período indeterminado, até que a implantação do A-29 seja concluída.