13 de Novembro, 2013 - 10:57 ( Brasília )

Aviação

Asa Rotativa - Segurança de voo de helicópteros será discutida em São Paulo


Estão abertas as inscrições para o encontro de segurança de voo de helicópteros que será realizado pelo Quarto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos  (SERIPA IV), nos dias 20 e 21 de novembro, no Campo de Marte, zona norte de São Paulo.

Os interessados em participar (pilotos, mecânicos, operações, entre outros) poderão fazer a inscrição escolhendo apenas um dia para participar, uma vez que, as palestras serão as mesmas nos dois dias de evento. Para se inscrever basta preencher o formulário específico com os seguintes dados: nome completo, telefone e área de atuação profissional. As inscrições deverão ser enviadas pelo email: acs.seripa4@gmail.com. Vagas limitadas.

Durante o encontro com os profissionais da aviação de helicópteros serão discutidos temas relacionados aos fatores contribuintes em acidentes aeronáuticos, em palestra que será proferida pelo Coronel-Aviador Valter Barreto Silva, do CENIPA. Outro tema relevante, abordará a prevenção de acidentes aeronáuticos no âmbito das atividades offshore contratadas pela Petrobrás, na abordagem do consultor da própria empresa Sidney Jones Menezes.

O evento prevê ainda outras palestras, tais como, o planejamento de voo e limites das aeronaves, na abordagem do Coronel-Aviador Alan Elvis de Lima, que atua no Grupo de Acompanhamento e Controle da Embraer; legislações referentes à investigação de acidentes aeronáuticos, é o tema que será debatido pelo Coronel-Aviador (R1) Madison Coelho de Almeida, investigador do SERIPA IV.

O Major-Aviador Marcus Gustavo Costa da Silveira, investigador do SERIPA IV, apresentará à audiência dois estudos de casos de acidentes com helicópteros que já foram investigados. O palestrante apresentará uma exposição sobre os fatores contribuintes que levaram ao acidente, bem como a análise e as recomendações de segurança de voo emitidas durante a investigação.

Cresce demanda de helicópteros

De acordo com o chefe do SERIPA IV, Tenente-Coronel Aviador Raul Moreira Neto, o trabalho de prevenção é focado nos aspectos do Sistema de Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (SIPAER) em operações aéreas em que o helicóptero é o meio de transporte mais adequado e econômico nas grandes capitais brasileiras. "As áreas especializadas como a inspeção em linhas de transmissão elétrica, aerofotogrametria, aeroreportagem, por exemplo, o helicóptero é o único meio viável para a realização desses serviços," explica Tenente-Coronel Raul.

Pelas características da capital paulista, cidade que possui cerca de 11,2 milhões de habitantes - correspondente a 6% da população brasileira - segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o helicóptero tem sido uma alternativa de transporte rápido e seguro em trechos curtos. A cidade, que possui áreas de alta densidade de tráfego terrestre, tem a maior demanda de transporte de helicópteros na aviação executiva em atendimento ao mundo empresarial.

Segundo dados registrados pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), a capital paulista, que está entre as dez maiores cidades do mundo, possui a maior frota com 692 helicópteros, ficando atrás apenas de Nova Iorque. Diante desse cenário, o Departamento de Controle do Espaço Aéreo implantou um centro de controle exclusivo para as operações de helicópteros, fato inédito no mundo.

No decorrer de 2013, o SERIPA IV realizou várias atividades de prevenção, incluindo encontros que reuniram segmentos específicos da aviação de instrução aérea, agrícola e aeronaves de asa fixa. Além de São Paulo, Mato Grosso do Sul também faz parte da área de atuação do Quarto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos, órgão vinculado ao CENIPA.


Fonte: CENIPA