21 de Outubro, 2013 - 16:59 ( Brasília )

Aviação

Resultados marcam os 59 anos do Instituto de Aeronáutica e Espaço


A primeira decolagem automática do projeto Veículo Aéreo Não Tripulado (VANT), e o primeiro ensaio de um motor foguete híbrido desenvolvidos pelo Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE) são alguns dos resultados alcançados em 2013 destacados durante a cerimônia realizada na sexta-feira (18/10) que marcou os 59 anos do instituto.
 
"Na atualidade, a soberania e independência de uma nação são ditadas pela sua capacidade de dominar tecnologias críticas, de transformar conhecimento em tecnologia e inovação", destacou o diretor do IAE, Brigadeiro Engenheiro Carlos Antônio de Magalhães Kasemodel. O oficial-general também lembrou que foi com este pensamento que os idealizadores e pioneiros do então Centro Técnico Aeroespacial (CTA), há 59 anos, plantaram a semente do que é hoje o Instituto de Aeronáutica e Espaço.
 
Homenagens - Durante a formatura militar, presidida pelo Diretor-Geral do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), Tenente-Brigadeiro do Ar Gerson Nogueira Machado de Oliveira, foram homenageados civis e militares que fizeram história no Instituto. ReceberaServidores civis e militares são homenageados  IAEm menções honrosas aqueles que completaram 40 e 30 anos de serviços prestados ao Instituto, aqueles que estão deixando o IAE por aposentadoria, transferência para reserva remunerada e término de prestação de tarefa por tempo certo e aqueles que, mesmo não pertencendo ao efetivo, se destacaram na prestação de serviços para o cumprimento da missão, denominados “Amigos do IAE”. A menção honrosa Amigos do IAE, criada no ano de 2008, tem por finalidade homenagear as Instituições e personalidades civis e militares, não pertencentes ao efetivo do IAE, que ao longo do ano se destacaram pela prestação de relevantes serviços que contribuíram para o cumprimento da missão do Instituto.