30 de Setembro, 2013 - 11:14 ( Brasília )

Aviação

OPERACIONAL - Esquadrão Arara utiliza óculos NVG em pouso noturno


O Esquadrão Arara (1°/9°GAv) realizou pousos e decolagens durante a noite na Base Aérea de Manaus (BAMN) com as luzes de iluminação da pista desligadas. Os pilotos utilizaram os Night Vision Goggles (NVG), óculos de visão noturna, e contaram com um sistema de sinalização de infravermelho que pode ser visto apenas com o uso de NVG, a Sinalização Luminosa Tática Autônoma (SLTA). 
 
A operação foi realizada em parceria com o Sétimo Serviço Regional de Engenharia (SERENG-7), que cuidou da parte técnica. A SLTA foi montada em apenas 40 minutos. “O equipamento que compõe a SLTA é portátil e não necessita de cabos, tornando a instalação muito rápida e segura. Tal operação pôde propiciar o treinamento para os pilotos e, principalmente, para o SERENG-7, medindo o tempo gasto em uma operação do tipo”, disse o Chefe do SERENG-7, Major Ricardo Rodolpho.
 
Durante os voos, a equipe do SERENG-7 e alguns militares do Esquadrão Arara ficaram na torre de controle do Aeroporto de Ponta Pelada, na BAMN. Desse local, observavam a pista e controlavam a SLTA, através de um controle remoto. A equipe testou o balizamento em suas seis intensidades luminosas e no modo infravermelho, quando ficava apagado. Todos os passos da missão eram coordenados com os pilotos do Esquadrão Arara que, de dentro do C-105 Amazonas, também podiam controlar o balizamento do aeródromo, por meio de outro controle remoto embarcado com alcance de quatro quilômetros.