28 de Agosto, 2013 - 11:08 ( Brasília )

Aviação

OPERACIONAL - FAB participa de exercício internacional de combate


Uma comitiva da Força Aérea Brasileira (FAB) participou em agosto do exercício PANAMAX 2013, promovido pelas Forças Armadas norte-americanas. O exercício foi realizado no Centro de Convenções das Américas, no Quartel General do Comando Sul (USSOUTHCOM), em Miami, Flórida, Estados Unidos.

O PANAMAX é um exercício internacional de combate que ocorre simultaneamente em várias cidades dos Estados Unidos e Panamá. “O principal objetivo do exercício PANAMAX é promover uma abordagem regional e multinacional para garantir o acesso livre e irrestrito ao Canal do Panamá”, explica o Coronel Aviador Marcelo Mendes Ribeiro, do Comando-Geral de Operações Aéreas (COMGAR).

Realizado anualmente desde 2003 sob coordenação norte-americana, o PANAMAX tem como cenário a defesa do Canal do Panamá contra a ameaça de um grupo guerrilheiro radicado num país fictício na fronteira com a República do Panamá. Nessa hipótese, acontece o fechamento do Canal do Panamá, por meio de um ataque terrorista, causando impacto significativo no comércio mundial, tendo em vista a importância estratégica do canal para o tráfego marítimo internacional.

Este ano o exercício passou a ser uma versão de Table Top Exercise (TTX) com o objetivo de confeccionar um Crisis Action Plan (CAP) ou planejamento de crise.

Além do Coronel Mendes Ribeiro, o evento teve a participação do Tenente-Coronel Aviador Jorge José Cardozo, do Estado-Maior da Aeronáutica, e do Capitão Aviador Cláudio Paradelo Peixoto, do COMGAR. O Coronel Aviador Paulo Eduardo Vasconcellos, oficial de ligação junto à Força Aérea americana (USAF), participou como ouvinte. Os militares da FAB cumpriram as funções de: A5 – plans orders, A3 – operations, e A2 – intel.