COBERTURA ESPECIAL - America Latina - Geopolítica

19 de Maio, 2014 - 10:55 ( Brasília )

Venezuela vai denunciar Estados Unidos à ONU por "ingerência" e ameaças


Talita Cavalcante

O governo venezuelano vai denunciar os Estados Unidos a organizações internacionais por “ingerência” e ameaças de sanções à Venezuela. De acordo com o ministro dos Negócios Estrangeiros venezuelano, Elías Jaua, o governo vai formalizar a denúncia na Organização das Nações Unidas (ONU) por violação da Carta das Nações Unidas e na Organização dos Estados Americanos (OEA) por violação da Carta Interamericana.

Jaua anunciou ainda que a Venezuela fará uma denúncia formal perante a Comunidade dos Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac) e a União das Nações Sul-Americanas (Unasur/Unasul).

Segundo ele, as denúncias começarão a ser feitas na próxima semana, durante a reunião ordinária dos ministros de Negócios Estrangeiros da Unasul, no Equador.

“Vou apresentar, em nome do presidente, Nicolás Maduro, a primeira denúncia formal com um registro de todas as declarações de ingerência de pessoas como o presidente [dos Estados Unidos, Barack] Obama, o secretário [de Estado, John] Kerry e outros porta-vozes nos assuntos internos da Venezuela”, disse.

Elías Jaua assegurou ainda que nas denúncias também estão incluídas as “ameaças permanentes da aplicação de sanções ou legislação sobre a Venezuela, sem qualquer consideração pelo direito internacional”.